falecom@consecti.org.br
(61) 97400-2446

UFPE está entre os melhores cursos de pós-graduações do Brasil, segundo a Capes - Consecti

UFPE está entre os melhores cursos de pós-graduações do Brasil, segundo a Capes - Consecti

Giro nos estados
16 setembro 2022

UFPE está entre os melhores cursos de pós-graduações do Brasil, segundo a Capes

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) obteve ótimos resultados na avaliação quadrienal 2021 dos programas de pós-graduação (PPGs) realizada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A avaliação acontece a cada quatro anos e atribui notas de 1 a 7 aos programas. A UFPE teve um aumento de 45% na quantidade de programas com notas 5, 6 e 7 e uma redução de 22% na quantidade de programas com notas 3 e 4 em relação à avaliação de 2017.

Do total de 98 programas na instituição, 34 aumentaram de nota e 47 mantiveram a avaliação. Somente 10 PPGs tiveram a nota rebaixada e quatro programas não foram avaliados: dois por terem sido criados recentemente e outros dois por já estarem descredenciados. Os programas com a nota máxima de 7 – que expressa excelência internacional – são Física, Ciência da Computação, Engenharia de Produção e Biologia Vegetal. Consulte aqui a lista dos programas de pós-graduação e as notas obtidas na avaliação.

A pró-reitora de Pós-Graduação da UFPE, professora Carol Leandro, destacou que o envolvimento e esforço das coordenações de cursos, docentes membros dos colegiados, discentes e corpo técnico foram determinantes para este desempenho. Institucionalmente, houve também o impacto da criação de uma pró-reitoria exclusiva para a pós-graduação (Propg), que mudou a forma de uso do recurso provindo da Capes e aumentou o incentivo a internacionalização e criação de políticas de redução de assimetrias.

Nos últimos anos, todos os editais de apoio aos programas deram prioridades a PPGs do Centro Acadêmico de Vitória (CAV) e Agreste (CAA). “Tivemos um aumento de nota em todos os PPGs do CAV e uma consolidação daqueles do CAA, a exemplo do programa de Ensino de Física que obteve nota 5, considerado de excelência para os PPGs profissionais e a passagem para nota 4 de Engenharia Civil e Ambiental que pretende abrir o curso de doutorado”, comenta a pró-reitora.

EXCELÊNCIA – Com o resultado da avaliação quadrienal, a UFPE se consolida como referência na formação em pós-graduação stricto sensu no Norte-Nordeste. A nota média entre os programas passou para 4,50 deixando a UFPE na lista das maiores universidades do Brasil. O reitor Alfredo Gomes destacou que “essa e é uma das metas importantes de nossa administração, a de crescimento com base no planejamento institucional” e reforçou que a Universidade permanece atenta para estabelecer políticas de apoio e fortalecimento aos programas que permaneceram ou caíram de nota.

AVALIAÇÃO – A análise da Capes é conduzida nas comissões de área de avaliação e, posteriormente, no Conselho Técnico Científico da Educação Superior (CTC-ES), que homologa os resultados finais. Ainda há possibilidade de submeter reconsideração das notas para que se reavalie o conceito que foi atribuído. A última instância é o pedido de recurso diretamente à presidência da Capes. Portanto, ainda é possível que este quadro de notas ainda mude para a UFPE.

Data da última modificação: 15/09/2022, 18:04
Fonte: UFPE