falecom@consecti.org.br
(61) 97400-2446

Tecnologias sociais são apresentadas pelo IPTI e Governo do Estado no Museu da Gente Sergipana - Consecti

Tecnologias sociais são apresentadas pelo IPTI e Governo do Estado no Museu da Gente Sergipana - Consecti

Giro nos estados
24 fevereiro 2022

Tecnologias sociais são apresentadas pelo IPTI e Governo do Estado no Museu da Gente Sergipana

Nesta terça-feira (22), o Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (IPTI) realizou a mostra “Santa Luzia do Itanhy: a capital das tecnologias sociais”. O evento, realizado no Museu da Gente Sergipana, teve como objetivo apresentar as principais tecnologias sociais executadas e coordenadas pela instituição. O IPTI é parceiro do Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec).

A mostra, que foi dividida em dois momentos, recebeu convidados e instituições e contou com a presença de representantes da comunidade de Santa Luzia do Itanhy. Diretamente envolvidos na elaboração e vivência das tecnologias sociais, esses representantes apresentaram alguns dos projetos nascidos do trabalho no município localizado no Litoral Sul de Sergipe.

Além das apresentações, foram expostos banners informativos destacando diversos projetos. Entre eles, o Nham (voltado à segurança alimentar nas escolas em conexão com a agricultura familiar), ON (Oficina de Negócios, que promove a integração entre educação financeira e empreendedorismo), CLOC (focado no ensino de programação e robótica, estimulando o empreendedorismo digital por meio da Tecnologia da Informação), Vetores (centrado no controle de vetores epidemiológicos), Synapse (dedicado ao ensino de português e matemática no ciclo de alfabetização das escolas públicas) e TAG (sistema de apoio à gestão escolar).

No auditório do museu, o responsável pelo relacionamento institucional do IPTI, Saulo Barreto, enfatizou a importância das tecnologias sociais no combate à pobreza. “O IPTI acredita piamente que Santa Luzia do Itanhy pode ser um case de sucesso para inspirar milhares de outras comunidades ao redor do mundo, para que sigam seu exemplo. Um exemplo que parte da própria comunidade, em que os atores de fora chegam apenas para trazer maiores condições financeiras e articulação. É um exemplo que abre caminhos e cria, de fato, oportunidade para emancipação”, salientou.

IPTI

Desde sua fundação, em 2010, o IPTI, em parceria com o Governo de Sergipe, tem apoiado e conduzido a produção de tecnologias sociais focadas nas áreas da saúde, empreendedorismo e educação básica. Um dos principais objetivos do IPTI, junto à comunidade de Santa Luzia do Itanhy, é a promoção de um modelo eficaz, escalável e sustentável de superação do impasse da pobreza. Hoje, mais de 21 tecnologias sociais foram desenvolvidas ou estão em desenvolvimento, beneficiando mais de 40 municípios em oito estados brasileiros.

“O alcance das tecnologias soci
ais desenvolvidas pelo IPTI demonstra a qualidade do trabalho em Santa Luzia e o valor das ações coletivas baseadas na inovação e na tecnologia. O Governo de Sergipe acredita e apóia esse propósito”, ressaltou o secretário da Sedetec, José Augusto Carvalho.

Fonte: SEDETEC SE