falecom@consecti.org.br
(61) 97400-2446

Naturatins e Fapt celebram convênio de incentivo à pesquisa - Consecti

Giro nos estados
15 março 2022

Naturatins e Fapt celebram convênio de incentivo à pesquisa

Durante o lançamento do Programa Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, nessa quinta-feira, 10, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Tocantins (Fapt) assinaram Termo de Convênio para apoio a projetos de pesquisa voltados ao conhecimento, monitoramento, manejo, uso e proteção da biodiversidade, do patrimônio cultural e dos recursos naturais em Unidades de Conservação (UCs).

O evento, realizado na sala de reuniões do Palácio Araguaia, contou com a participação de representantes de universidades, do legislativo, de instituições de pesquisa, estudantes e professores. Na oportunidade, o governador em exercício Wanderlei Barbosa assinou a minuta do projeto de Lei que institui o Marco Legal da Ciência e Tecnologia que visa incentivar o desenvolvimento científico no Tocantins.

Para o presidente Renato Jayme, a parceria com a Fapt reforça o compromisso do Naturatins com a preservação ambiental. “Precisamos buscar conhecimentos e caminhos para solucionar os problemas que enfrentamos dentro da nossa realidade de forma eficiente e sustentável. Por isso, a importância de promover o desenvolvimento científico em nosso Estado com o incentivo à pesquisa dentro de nossas Unidades de Conservação”, destacou.

Conforme o diretor de Biodiversidade Warley Rodrigues, a parceria entre as instituições foi construída ao longo de dois anos com estratégias que viabilizaram a celebração do convênio que representa um avanço para a gestão das UCs. “Podemos direcionar esforços, recursos e fomentar pesquisas que são diretamente de interesse para estas unidades, porque irão nos auxiliar no manejo. É um importante avanço para a gestão dessas unidades porque podemos ter uma atuação baseada em dados científicos e, assim, temos a possibilidade de acertar mais”, explicou.

Convênio

O primeiro edital terá a aplicação de recursos na ordem de R$ 1,3 milhão. Naturatins e Fapt vão financiar pesquisas em nível estadual para a produção de conhecimento científico sobre o monitoramento, o manejo, o uso e a proteção da biodiversidade, do patrimônio cultural e dos recursos naturais em unidades de conservação no Tocantins. O convênio prevê seleção e financiamento total ou parcial de projetos com valor de até R$ 100 mil.

Fonte: Notícias do Estado do Tocantins