falecom@consecti.org.br
(61) 97400-2446

Ministro Joaquim Leite fala sobre economia verde com lideranças da indústria baiana - Consecti

Ministro Joaquim Leite fala sobre economia verde com lideranças da indústria baiana - Consecti

Giro nos estados
13 setembro 2022

Ministro Joaquim Leite fala sobre economia verde com lideranças da indústria baiana

Em visita ao SENAI CIMATEC, nesta segunda-feira (12), o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, esteve reunido com líderes empresariais do setor industrial baiano para falar sobre descarbonização da economia e Hidrogênio Verde. O titular da pasta também conheceu as instalações e alguns dos projetos do centro tecnológico.
“A Bahia assumiu protagonismo nesta questão do Hidrogênio Verde, com a implantação da fábrica (da Unigel), no que eu chamo de “Vale Verde de Camaçari”, e logo vocês terão o Mapa (do Hidrogênio Verde), que o CIMATEC está fazendo. O estado tem a oportunidade de atrair a indústria global para cá”, afirmou o ministro.
Ele citou a crise energética enfrentada pela Europa, com a falta do gás decorrente da Guerra na Ucrânia, para apontar que o Brasil pode se tornar a grande fonte global de suprimento de energia e combustíveis limpos. De acordo com Leite, o país já dispõe de 150GW de energias solar e eólica e tem potencial de mais 750 GW offshore.
Para o presidente da FIEB, Ricardo Alban, o momento apresenta grandes oportunidades para o Brasil na ‘grande cadeia de suprimento global’, dado ao seu potencial de crédito de carbono, atividade circular, e energias renováveis como vetores de crescimento. “É preciso agregar este valor à atividade produtiva para que não sejamos apenas fonte de suprimento de commodities”, destacou.
Neste sentido, segundo Joaquim Leite, a tecnologia é fundamental. “É através de ciência e tecnologia que se faz uma transformação ambiental correta. A gente precisa de uma nova economia verde, em que possamos produzir mais, gastando menos recursos naturais, com menos emissão de gás de efeito estufa. E o SENAI CIMATEC é um bom exemplo: pega o desafio, faz estudos, protótipo e transforma em soluções para a vida dos brasileiros”, pontuou.
De acordo com Leone Peter Andrade, diretor de Tecnologia e Inovação do SENAI CIMATEC, a instituição está investindo num cluster de Hidrogênio Verde na unidade de Camaçari, o CIMATEC Park. “Nossas condições ambientais são suficientes para justificar o investimento. Para se ter uma ideia, o potencial de energia eólica acima de 150 metros no estado teria capacidade de abastecer todo o país com eletricidade”, explicou Andrade.

Fonte: SENAI CIMATEC