+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Fapeal recebe editores de revistas científicas de Alagoas

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal) recebeu os coordenadores de 11 periódicos científicos, selecionados para um apoio de R$150 mil reais em recursos do Governo de Alagoas, disponibilizados através de edital.

Esta é a terceira chamada da fundação para conceder apoio às revistas científicas vinculadas aos programas de pós-graduação das universidades do estado. Foram selecionados 10 periódicos da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e um da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal).

O professor Fábio Guedes, diretor-presidente da Fapeal, explica que os recursos vão ajudar os coordenadores e editores dessas revistas a organizarem melhor as edições e permitir com que elas possam ter uma capacidade maior de inserção na comunidade acadêmica, não só no estado, como também fora dele, atraindo bons artigos científicos: “Isso permite com que os indicadores e estatísticas de avaliação e da qualificação da nossa pós-graduação possam avançar”, avalia o gestor.

O apoio do Governo de Alagoas vem num momento de reconhecida crise na ciência brasileira, devido a cortes de recursos federais nos fomentos específicos para a Ciência, Tecnologia e Inovação: Dada a pandemia de Covid-19, a necessidade de comunicação pública do conhecimento científico tornou-se particularmente presente nos diálogos da sociedade. Porém, tradicionais periódicos científicos brasileiros tem sido extintos por falta de financiamento.

Apoio Durante a reunião, os editores compartilharam seus maiores desafios, e expuseram o tipo de situação que será sanada com os recursos: revisão, tradução, diagramação de capas, hospedagem virtual. Esses são alguns dos serviços necessários à sobrevivência de uma revista científica, e demandam orçamento, mas não são todos.

Evolução Cada uma das três edições do Edital de Apoio a Periódicos da Fapeal tem sido voltada ao amadurecimento gradativo das Revistas. Para Daniel Carvalho, assessor científico de pesquisas e tecnologias da Fapeal, um dos pontos de destaque, dentre outros, foi a viabilização de DOI, sigla para “identificador de objeto digital”.

“Se você tem um DOI na revista, qualquer pessoa no mundo, através dele, consegue acessar seu artigo. É como se fosse um endereço internacional”, explica Daniel Carvalho, acrescentando que isso facilita para calcular indicadores, análise de dados e metadados, que demostram o alcance e o impacto das publicações científicas.

“Até 2016, a Ufal não disponibilizava isso para as revistas. A partir do primeiro edital, numa conversa entre os editores, a universidade e a Fapeal foi possível articular a compra de DOIs e o cadastro da Ufal como portadora. Todas as revistas da Ufal hoje podem ter DOI graças a essa colaboração com a Fapeal”, resume.

Protocolo O evento, realizado na última sexta 04/6, seguiu as medidas de distanciamento e protocolo sanitário, e foi viabilizado em face do início da vacinação para os trabalhadores da educação, incluindo os docentes universitários.

Fonte: Fapeal em 08/06/2021

Próximos Eventos