Notícias

Qualcomm planeja centro de pesquisa para dispositivos móveis no Brasil

O presidente da Qualcomm para a América Latina, Rafael Steinhauser, informou há pouco que a companhia planeja instalar no Brasil um centro de pesquisa para desenvolvimento de tecnologias associadas à fabricação de celulares e tablets. O anúncio foi feito na sede do Ministério das Comunicações, com a presença do ministro Paulo Bernardo.

Segundo Steinhauser, o objetivo do acordo é acelerar o uso de aparelhos móveis no país, criando condições para que a indústria nacional amplie a fabricação desses produtos. Em contrapartida, o governo brasileiro planeja criar novos incentivos para a produção local de smartphones, com o objetivo de reduzir significativamente o preço final dos aparelhos.

Na prática, a Qualcomm terá o trabalho focado na criação de “desenhos de referência”. A partir desses parâmetros tecnológicos, a indústria nacional poderá iniciar a fabricação de novos modelos de dispositivos móveis. Os planos da Qualcomm no Brasil  também compreendem a criação de laboratório de aplicações, com o objetivo de capacitar profissionais.

O acordo com o governo inclui ainda programas de intercâmbio internacional, envolvendo estudantes e profissionais do setor. “É a primeira vez que a Qualcomm faz um acordo tão importante com um governo na América Latina”, diz Steinhauser.

Segundo o executivo, boa parte dos dispositivos vendidos no Brasil ainda é de segunda geração, o que contrasta com a média mundial de 50% de aparelhos desse padrão.

Fonte: Valor Econômico

Próximos Eventos