Notícias

Vendas de PCs crescem, mas ficam abaixo das projeções

Depois de registrar queda no período de janeiro a março deste ano, as vendas mundiais de PCs voltaram a crescer no segundo trimestre. O avanço ficou abaixo das estimativas iniciais dos analistas, que atribuem isso em grande parte ao bom desempenho das vendas de tablets no período, que acabaram canibalizando as vendas de PCs.

De acordo com o Gartner, o número de computadores comercializados no segundo trimestre do ano chegou a 85,2 milhões de unidades, uma evolução de 2,3% em relação ao mesmo período de 2010, mas bastante abaixo da projeção inicial da consultoria, que apontava uma alta de 6,7%.

A empresa de pesquisas de mercado IDC, por sua vez, afirma que número de computadores vendidos entre abril e junho totalizou 84,4 milhões de unidades, uma expansão de 2,6% em relação ao mesmo período de 2010 – ligeiramente inferior à expectativa de crescimento de 2,9% para o período.

Segundo ambas as consultorias, a HP manteve a liderança do ranking de vendas de PCs, seguida respectivamente por Dell, Lenovo, Acer e Asus. O destaque foi o fato da chinesa Lenovo ter saltado uma posição e fechado o período no terceiro posto, ultrapassando a taiwanesa Acer.

Segundo as duas consultorias, a HP manteve a liderança no ranking de vendas de PCs, seguida por Dell, Lenovo, Acer e Asus, respectivamente. O destaque ficou com a chinesa Lenovo que subiu uma posição e fechou o período no terceiro posto, ultrapassando a taiwanesa Acer.

Fonte: TI Inside

Próximos Eventos