+55 (61) 9 7400-2446

Notícias

Startup investe R$ 5 milhões para revolucionar carros de Uber e 99

No que depender da Kovi – startup de aluguel de carros que faz sucesso entre motoristas de aplicativos –, os passageiros de Uber e 99 terão uma pitada dos aviões graças ao sistema de entretenimento para a segunda fileira. E, para colocar o projeto de pé, a empresa investiu 5 milhões de reais na Zanzar, adtech de mídia criada há três anos em Minas Gerais que desenvolveu todo esse ecossistema. Esse é o primeiro investimento da empresa desde que recebeu um cheque de 500 milhões de reais em rodada série B, há dois meses

Publicidade mais eficiente

Diferentemente de outras plataformas de publicidade (sejam elas analógicas ou digitais), o equipamento da Zanzar é interativo e permite que os usuários consumam diferentes tipos de conteúdo, como notícias ou culinária, por exemplo. Mas é claro que existe um propósito por trás disso: conhecer a preferência do passageiro para oferecer publicidade e ações cada vez mais personalizados e assertivos.

“No momento em que começa a navegação, indicamos conteúdos interessantes e fazemos perguntas do destino. Se o passageiro disser que irá à academia, por exemplo, começa o loop de coisas relacionadas. E tudo é feito por vontade própria. Nós já temos mais de 1 milhão de viagens e dificilmente o usuário não interage, nem que seja por curiosidade”, diz Herbert Viana, CEO e cofundador da Zanzar.

Estratégia de crescimento

Essa nem é a primeira parceria da adtech, que se juntou à Uber durante as primeiras fases do projeto, só que o aporte da Kovi – que também se tornou sócio minoritário, ainda que a participação não tenha sido revelada – pode ser considerado um divisor de águas para a plataforma. Tanto que a meta é ambiciosa e quer chegar a 5.500 veículos nos próximos dois meses. Para ter ideia, até hoje eram 300.

“Vimos o que eles estavam fazendo e decidimos criar um projeto piloto em São Paulo com a nossa frota. Também fizemos algumas interações com os motoristas da nossa base e, em ambos os casos, o sistema foi muito bem-sucedido. Esse é um produto que pode melhorar a experiência dos usuários e a Zanzar já tinha o projeto avançado. Nós vimos a oportunidade”, afirma Bruno Poljokan, CRO da Kovi.PUBLICIDADE

Por enquanto, toda a expansão será focada na capital paulista. Só que a Zanzar já pensa na possibilidade de chegar a outras cidades, acompanhando o processo de crescimento da própria Kovi. Por isso mesmo, adtech vislumbra possibilidades além do próprio mercado brasileiro, seguindo os planos da startup de aluguel para outros países. De acordo com Poljokan, esse crescimento precisa ser orgânico.

Como evitar a concorrência

E como evitar a concorrência? Para Viana, a principal barreira de entrada neste segmento será o próprio avanço da tecnologia, que inclui sistemas de conexão com o veículo e internet própria para indicar casos de roubo, por exemplo. “Chegar onde chegamos levará muito tempo. E posso garantir que, quem tentar algo parecido, terá um caminho tortuoso e muitos erros”, diz o CEO e cofundador da Zanzar.

Enquanto navega sozinha neste segmento de entretenimento para carros de aplicativo, adtech pensa em novas maneiras de conquistar a clientela, como disponibilizar internet por WiFi a bordo – que ainda precisará ser desenvolvido até chegar às ruas. Afinal, quanto mais serviços forem oferecidos, maiores as chances de conquistar os tão desejados dados que sustentam esse modelo de negócio de pé.

Fonte: Exame em 06/10/2021

Próximos Eventos