Notícias

Sebrae promove surgimento da profissão de agente local de inovação

“Estamos criando uma nova categoria profissional ao incentivarmos e capacitarmos agentes locais de inovação”. A declaração é do diretor-técnico do Sebrae Nacional, Carlos Alberto dos Santos, ao assinalar que, a exemplo de países avançados, a instituição está investindo fortemente na formação desses “extensionistas de inovação” para atendimento direto aos empresários do segmento de pequeno porte. Os ALI, como são conhecidos, têm encontro nacional agendado para a próxima quarta-feira (13), em Porto de Galinhas (PE), a cerca de 60 km de Recife.

A perspectiva é de ampliação no número de ALI que atendem às micro e pequenas empresas em 25 estados. “Hoje são quase 450 e vamos alcançar a marca de mil ALI até o final de 2012”, anuncia o diretor do Sebrae. Os agentes locais de inovação têm papel preponderante na transformação dos pequenos negócios, ao levarem soluções que ajudam empresários a aumentarem sua competitividade, para satisfazerem consumidores cada vez mais exigentes, bem informados e seletivos.

Uma parceria do Sebrae com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) investe na qualificação desses profissionais do Programa ALI. É uma iniciativa de cunho estratégico, que permite a jovens recém-formados, de nível superior, capacitação para atuarem como agentes de inovação junto aos empresários. “São profissionais que se tornam bolsistas do CNPq e contam com apoio de tutores para acompanhar o atendimento às empresas de pequeno porte, gerando o conteúdo necessário ao trabalho científico a ser apresentado ao final de até dois anos de atuação”, explica Carlos Alberto.

Desafio da competição

Segundo Carlos Alberto dos Santos, o Sebrae está especialmente voltado para superar o desafio da competição cada vez mais acirrada de produtos e serviços nacionais e estrangeiros no mercado brasileiro. “E vamos avançar nesse processo, que garante uma experiência singular a esses jovens profissionais, uma vez que têm oportunidade de conhecerem de perto a realidade e necessidades dos pequenos negócios e de buscarem soluções junto às instituições de ciência e tecnologia para aprimorarem o processo produtivo das empresas atendidas”, observa o diretor-técnico.

Cerca de 600 profissionais estarão em Porto de Galinhas para o 2º Encontro Nacional dos Agentes Locais de Inovação (ALI), organizado pelo Sebrae e CNPq. Na programação, palestras e oficinas com a apresentação de experiências modelos dos estados do Acre, Mato Grosso do Sul, Paraná e Pernambuco. “Eles têm o desafio de sensibilizar e mobilizar cada empresário no seu próprio empreendimento, de modo que incorporem a inovação no dia a dia dos pequenos negócios, para que estes tenham ganhos efetivos de qualidade, produtividade e sustentabilidade”, enfatiza Carlos Alberto dos Santos.
Fonte Agência Sebrae

Próximos Eventos