+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Nova gestão do Consecti é eleita com proposta para fortalecer a instituição e reinserir a ciência, tecnologia e inovação como prioridade nacional

Nesta terça-feira (9), foi realizada a eleição virtual para a nova gestão do Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti) no biênio de 2021 a 2022. A nova chapa – liderada pela Secretária de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, Patricia Ellen, na presidência, e na vice-presidência o Secretário de Ciência e Tecnologia do Estado de Alagoas, Rodrigo Rossiter, e o Secretário de Ciência e Tecnologia do Amapá, Rafael Pontes – traz integração e representatividade de todas as regiões do país.

A nova diretoria foi eleita com a proposta de fortalecer o Consecti e reinserir a ciência, tecnologia e inovação como prioridade nacional. Busca a integração entre a academia e os institutos de pesquisa com startups e o setor produtivo para atuação no combate às desigualdades em áreas como saúde, educação, segurança pública e meio ambiente. Além disso, visa impactar na geração de oportunidades de emprego, empreendedorismo e renda, diante da crise provocada pela pandemia do coronavírus.

A eleição traz, ainda, a força da liderança feminina na ciência, tecnologia e inovação. Patricia Ellen é a segunda mulher que irá presidir o Consecti nos últimos 16 anos.
O Conselho possui a missão de coordenar ações e troca de experiências entre estados, além de articular ações integradas no âmbito nacional.

Primeiras ações da gestão

Uma das primeiras ações da nova gestão será a publicação de um manifesto em defesa de uma estratégia nacional de ciência e tecnologia, bem como da preservação de recursos para a Ciência, Tecnologia e Inovação brasileira.
Entre as iniciativas está a defesa do orçamento para a área nas esferas federal e estadual; a reorganização da governança do Consecti, garantindo maior participação de seus membros, transparência e publicidade em suas ações e resultados imediatos de sua atuação; e implementação das melhores práticas realizadas nos diferentes Estados-membros.

Foram eleitos para a nova gestão:

Presidente – Patricia Ellen, Secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo (SP)
Primeiro Vice-Presidente – Rodrigo Rossiter, Secretário de Estado para Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Alagoas (AL)
Segundo Vice-Presidente – Rafael Pontes Lima, Secretário de Estado para Ciência, Tecnologia e Inovação do Amapá (AP)
Diretoria Regional Sul – Aldo Bona, Superintendente de Ciência, Tecnologia, Inovação e Ensino Superior do Paraná (PR)
Diretoria Regional Sudeste – Cristina Engel, Secretária de Estado de Ciência, Tecnologia, Inovação e Ensino Profissionalizante do Espírito Santo (ES)
Diretoria Regional Nordeste – Inácio Arruda, Secretário de Estado de Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Superior do Ceará (CE)
Diretoria Regional Norte – Carlos Manenschy, Secretário de Estado para Ciência, Tecnologia, Inovação, Educação Superior, Profissional e Tecnológica do Pará (PA)
Diretoria Regional Centro-Oeste – Márcio Cesar Pereira, Secretário de Desenvolvimento e Inovação de Goiás (GO)
Conselho Fiscal – Cláudio Furtado, Secretário de Educação e da Ciência e Tecnologia da Paraíba (PB).

Outras ações propostas pela nova liderança do Consecti

• Capacitação das secretarias e fundações para acesso a fundos de investimento (ex.: BID, BNDES, etc.);

• Retomada de encontros periódicos e construção de consensos e pontes;

• Estruturação de programas de aquisição de encomendas tecnológicas a partir de demandas regionais;

• Criação de rede nacional de Núcleos de Inovação Tecnológica;

Sobre o Consecti

Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação – Consecti, foi criado a partir do Fórum Nacional de Secretários para Assuntos de CT&I, em 15 de abril de 2005. Possui assentos em várias comissões e grupos, sendo representativo no Conselho Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Sua finalidade além de representar os Sistemas Estaduais de CT&I, é de ampliar sua cooperação com demais órgãos federais, regionais e internacionais e para a modernização e aperfeiçoamento na gestão nas secretarias.

Fonte: Consecti

Próximos Eventos