Destaques

Multinacionais se unem para criar solução de segurança de IOT

A DigiCert, a Gemalto e a ISARA anunciam nesta quinta-feira, 20 de setembro, uma parceria para desenvolver certificados digitais avançados e gerenciamento seguro de chaves para dispositivos conectados via Internet das Coisas (IoT).

A parceria viabiliza a implantação das soluções em qualquer escala, porque utiliza a capacidade da DigiCert de emitir e hospedar certificados digitais para sistemas de confiança pública e PKI privada. O trabalho da DigiCert com a ISARA e a Gemalto permitirá certificados com a capacidade de opções de implantação hospedadas, no local e híbridas.

Já a Gemalto oferece armazenamento e gerenciamento de chaves seguras através de seus Módulos de Segurança de Hardware (HSMs) SafeNet que se integram às APIs DigiCert para permitir a emissão de credenciais automatizadas em grande escala para dispositivos conectados via gateway habilitado para internet para distribuir identidade pela nuvem. Os certificados obtidos por meio dessa parceria serão habilitados com criptografia de segurança quântica à frente de qualquer descoberta que possa levar à computação quântica que ameaça a segurança do dispositivo conectado.

Para promover o uso de certificados confiáveis à prova de quântica, as empresas colaboram com os órgãos de padrões da indústria que também estão buscando o avanço da criptografia pós-quântica, como a IETF (Internet Engineering Task Force). Esforços para abordar a segurança da computação quântica hoje suportarão os fabricantes de dispositivos conectados e os usuários no futuro.

Um exemplo é a indústria automobilística, que está produzindo mais veículos com capacidades de direção semi e totalmente autônomas. Um carro deve durar 20 anos ou mais, e os fabricantes precisarão garantir que os dispositivos de IoT que eles instalam estarão seguros e continuarão funcionando mesmo se houver uma quebra nos algoritmos RSA que tornariam os certificados digitais de hoje ineficazes.

Fonte: TI Inside

Próximos Eventos