+55 (61) 9 7400-2446

Notícias

MCTI prepara programa e financiamento para testes Open RAN na rede da RNP

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) está formatando um programa com incentivos para a cadeia de redes de acesso abertas e interoperáveis (o Open RAN) a partir da infraestrutura gerida pela RNP.

O planejamento foi apresentado nesta sexta-feira, 27, pelo diretor do Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação Digital do MCTI, José Gontijo, durante reunião do grupo de trabalho (GT) de Open RAN da Anatel.

Segundo Gontijo, o projeto deve ser implementado a partir da rede da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), se valendo de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) e da Lei da Informática. No momento, haveria R$ 30 milhões em caixa para o programa, segundo o diretor do MCTI.

Ainda de acordo com Gontijo, o lançamento oficial depende de últimos ajustes por parte da RNP – que fornecerá a infraestrutura sob sua gestão para a realização de experimentos, provas de conceitos (POCs) e casos de uso.

Por enquanto, três fases estão previstas: a primeira focada em orquestração, a segunda em equipamentos Open RAN e a terceira, em pilotos temáticos e “testbed“. As duas últimas etapas ainda estão em fase de modelagem e captação.

Também há intenção que a plataforma de demonstração e experimentação Open RAN seja futuramente integrada a outras infraestruturas do gênero nos Estados Unidos e Europa, segundo o MCTI. Os dois mercados também têm buscado a diversificação de fornecedores de telecom a partir do novo padrão, especialmente com a motivação de banir equipamentos da Huawei

Vale lembrar que o Ministério das Comunicações (MCom) já está realizando financiamento de projetos na cadeia de Open RAN, neste caso com recursos do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (Funttel). Há intenção de ampliar a utilização do fundo para fomento do padrão emergente de redes de acesso.

Fonte: Teletime em 30/08/2021

Próximos Eventos