Mato Grosso do Sul terá cinco projetos em exposição na FEBRACE

A 9ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (FEBRACE), que acontecerá de 22 a 24 de março, no campus da Universidade de São Paulo (USP), em São Paulo, contará com cinco projetos de Mato Grosso do Sul em exposição.

Ao total são 302 projetos selecionados, desenvolvidos por 670 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todas as regiões do país, oriundos de instituições públicas e privadas. Os projetos que serão apresentados na FEBRACE são uma mostra da capacidade de estudantes de 14 a 20 anos de desenvolver soluções para os problemas da sociedade. “Nem sempre são ideias inéditas, mas a maioria inova ao aprimorar soluções existentes ou traz alternativas criativas para resolver esses problemas”, conta a coordenadora geral da FEBRACE, Roseli de Deus Lopes.

As equipes participantes de Mato Grosso do Sul são:

– A Escola Estadual Hércules Maymone, de Campo Grande, com o projeto “Gerador Eólico Savonius” de Gabriel Pillon Barbosa, Mateus Grefe Macedo, Luíz Cosme Reis da Silva (Orientador) , Luíz Carlos Marcelino (Coorientador);

E quatro projetos da Fundação Bradesco Bodoquena, de Miranda:

– “Produção e utilização da farinha de banana verde em substituição parcial da farinha de trigo”, de Indira Daiane Ledesma Santos, Cleverson Bogue e Borges (Orientador) , Michelli Gonçales Dádamo (Coorientador);

– “Substrato alternativo para produção de mudas de maracujazeiro” de Lucival Bento Paulino Filho, Valdecir Batista Alves (Orientador);

– “Utilização do extrato da tiririca (cyperus rotundus l.) No enraizamento de espécies frutíferas e ornamentais na região do pantanal sul-matogrossense”, de Fabricio Gomes Predro, Clévio Antonio Silva (Orientador) , Sérgio Alexandre Mazzuco Leonardo (Coorientador);

– “Ximbuva – cupinicida natural”, de Tamires Luzia Diniz de Oliveira, Valdecir Batista Alves (Orientador) , Sergio Alexandre Mazzuco Leonardo (Coorientador).

Os projetos foram selecionados entre 1.427 trabalhos, que envolveram cerca de 15.000 estudantes. Serão avaliados por uma comissão formada por professores de diversas instituições e áreas das ciências e engenharia. Os melhores, em suas respectivas categorias, serão premiados em cerimônias nos dias 25 e 26 de março.

Os estudantes que mais se destacarem na FEBRACE também se qualificarão para participar da feira internacional Intel ISEF (International Science Fair), a maior competição internacional de estudantes pré-universitários, realizada anualmente nos Estados Unidos, que acontecerá de 8 a 13 de maio, em Los Angeles, Califórnia.

A FEBRACE tem o patrocínio e apoio institucional do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), Ministério da Educação (MEC), CNPq, CAPES, UNESCO, FIESP/SESI/ SENAI, Intel do Brasil, Sebrae Nacional, Instituto Claro, Instituto Votorantim e Petrobras.

Mais informações: www.febrace.org.br.
Fonte: SEMAC MS

Compartilhe:

    Leave a Reply