Notícias

Internacionalização ganha força nas ações do Porto Digital em Pernambuco

A internacionalização vem ganhando força nas metas do Porto Digital para os próximos anos. O Parque Tecnológico, que já obteve o título de maior e melhor do Brasil pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) busca agora um maior reconhecimento de sua atuação junto ao mercado internacional.

Diversas atividades já aconteceram e outras estão previstas para os próximos anos, com o objetivo de garantir um maior reconhecimento do parque além das fronteiras do Brasil, como um habitat de inovação e de excelência em seus produtos. Para isso já está disponível capital tanto para oferecer programas que qualificam e certificam os colaboradores e as empresas, quanto para ações que gerem visibilidade do Parque lá fora. Para o presidente do Porto Digital, Francisco Saboya, “a internacionalização é uma obrigação e não uma opção. Ou você inova para competir com empresas nacionais e de fora do País ou fica ultrapassado”.

O objetivo é dar continuidade a uma série de ações que culminaram em conquistas recentes do Porto Digital. Em 2005, a consultoria internacional AT Kearney classificou o Porto Digital como o maior parque tecnológico do País, além de referência nacional de política pública de fomento à inovação e fortalecimento de um setor produtivo de base tecnológica. No ano seguinte, em 2008, a Associação Internacional de Parques Tecnológicos (IASP) publica o primeiro volume da série Learning by Sharing e destaca o caso do Porto Digital, juntamente com os Parques Tecnológicos de Málaga, Manchester, Andalucía e Índia. Já em 2009, reportagem publicada na edição digital da Business Week apontou o Porto Digital como um dos parques mais inovadores, considerando-o como um dos dez locais do mundo onde o futuro está sendo criado.

Entre as iniciativas mais recentes visando à presença internacional do parque está a participação de uma delegação do Porto Digital no Congresso Internacional de Parques Tecnológicos, realizado de 19 a 22 de junho último, na Dinamarca. Naquele evento além da apresentação de trabalhos e projetos, o Porto Digital conquistou a realização no Recife da edição 2013 do evento.

O Congresso é promovido pela Associação Internacional de Parques Tecnológicos (IASP) e reúne todos os anos cerca 800 profissionais, entre executivos e técnicos de diferentes áreas do conhecimento de mais de 50 países. Para Saboya, receber um evento deste porte traz um reconhecimento internacional ao Porto Digital e às esferas governamentais que ajudaram na conquista. “Trabalhamos em concomitância com os órgãos públicos para conseguirmos assinaturas entre outros aparatos técnicos que seriam necessários para fazer a solicitação à IASP”.

Fonte: SECTI-PE

Próximos Eventos