Notícias

Inscrições para o Prêmio Samuel Benchimol encerram dia 31

Criado em 2002, o Prêmio Professor Samuel homenageia o empresário e educador. Samuel Benchimol é considerado por Gilberto Freire, como o maior conhecedor da Amazônia.

O objetivo dos Prêmios é promover reflexão sobre as perspectivas econômicas, tecnológicas, ambientais, sociais e empreendedorismo para o desenvolvimento sustentável da Região Amazônica; fomentar a interação permanente entre os setores governamentais, empresariais, acadêmicos e sociais da Região Amazônica; identificar, analisar, selecionar e divulgar projetos de interesse empresarial e oportunidades de investimento a potenciais financiadores, públicos ou privados; e agraciar pessoas que se destacam no desenvolvimento sustentável da Região Amazônica.

Os projetos selecionados pela Comissão Julgadora serão agraciados com os Prêmios Professor Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente. O valor total da premiação no Prêmio Professor Samuel Benchimol, para cada categoria será de R$ 65.000,00 (sessenta e cinco mil reais). Estes são considerados os prêmios de maior valor pecuniário da América Latina. Os valores definidos para a premiação sujeitam-se à dedução de tributos.

Categorias do Prêmio

São categorias do Prêmio Professor Samuel Benchimol e Prêmio Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente: I) PRÊMIO PROFESSOR SAMUEL BENCHIMOL O Prêmio Professor Samuel Benchimol inclui duas naturezas de premiação. Uma, para a identificação de projetos inovadores nas áreas ambiental, econômico-tecnológica e social e outra, para reconhecimento de personalidades que contribuíram para o desenvolvimento da região.

a) categoria Projetos de Natureza Ambiental: tem como objetivo mostrar como o meio ambiente pode ser utilizado de forma racional e responsável, permitindo a regeneração contínua dos recursos naturais. As propostas podem perseguir objetivos mais ambiciosos, tais como recuperação de áreas degradadas, preservação de espécies, desenvolvimento de tecnologias mais limpas, reintrodução de espécies nativas, sensoriamento de recursos naturais, dentre outras.

b) categoria Projetos de Natureza Econômico-Tecnológica: tem como objetivo incentivar a realização de projetos que beneficiem a economia regional e as estruturas produtivas da Amazônia durante ou após a sua execução. Deverão, por exemplo, propiciar o aumento perceptível e verificável no PIB regional, na balança comercial, na arrecadação de impostos, na geração de emprego e renda, na qualidade e produtividade de produtos da região ou ainda na ampliação da oferta e da diversidade de produtos e serviços gerados e consumidos na Amazônia.

c) categoria Projetos de Natureza Social: tem como objetivo selecionar projetos que tenham impacto positivo no tecido social e melhorem as condições e a qualidade de vida da população amazônica. Deverão, por exemplo, ampliar e garantir o acesso a todos à saúde, à educação, à habitação, ao entretenimento e à cultura; melhorar a distribuição de renda, diminuindo as diferenças sociais; ou, ainda, combatendo a discriminação, a miséria, e a fome.

d) categoria Personalidade Amazônica: tem como objetivo agraciar empresários, executivos e gestores de políticas públicas, que se destacaram no desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal.

II) PRÊMIO BANCO DA AMAZÔNIA DE EMPREENDEDORISMO CONSCIENTE

a) Categoria Empreendedorismo Consciente: tem como objetivo incentivar o maior número possível de pessoas no Brasil e no exterior a investirem o melhor de sua capacidade criativa e estratégica na concepção de soluções concretas e viáveis para o desenvolvimento econômico e social da Amazônia com zero de destruição de seus ecossistemas. O propósito do prêmio nessa categoria é dar grande visibilidade aos modelos, os candidatos deverão apresentar planos estratégicos e operacionais detalhados para a implantação de ecossistemas de negócios que gerem benefícios para todos, incluindo a preservação e reconstrução de biomas e hábitats, a extração e aproveitamento de conhecimentos, qualidade de vida e bem-estar das populações locais e do novo público que vai afluir para a região (com um novo perfil), resultados econômicos, enfim todo tipo de resultado ou benefício possível.

b) categoria Projetos Estruturantes: tem como objetivo incentivar a realização de projetos estruturantes para a região amazônica, com a visão de futuro sustentada na responsabilidade social, na inovação, na educação corporativa. São esperadas propostas estruturantes em responsabilidade social, a conscientização do amazônida quanto ao uso dos recursos naturais, a destinação final de embalagens, entre outros. No que se refere às propostas estruturantes em inovação, espera-se o desenvolvimento de projetos em Ciência, Tecnologia e Gestão, tanto nas indústrias que tradicionalmente usam os recursos da floresta amazônica como em indústrias de base tecnológica. E, das propostas estruturantes em educação corporativa, espera-se soluções a partir do emprego de processos de capacitação e educação continuada como facilitadores do desenvolvimento sustentável do maciço amazônico.

c) categoria Empresas na Amazônia: tem como objetivo homenagear empresas na região amazônica, no que se refere ao fortalecimento de cadeias produtivas, inclusive aquelas de maior tempo de funcionamento. Tem como foco as áreas da biodiversidade, agrícola, eletroeletrônica, fármacos, cosméticos e todos os demais setores que conduzam ao desenvolvimento sustentável da Amazônia.

d) categoria Suporte ao Desenvolvimento Regional: é desdobrada em duas subcategorias. Uma, na área do desenvolvimento econômico, com o objetivo estimular a criação de empresas, na região amazônica, com estratégias inovadoras de atuação, tanto no que e refere ao fortalecimento das cadeias produtivas já em operação, quanto no ingresso em setores produtivos inexplorados. E a outra, na área do desenvolvimento educacional, com o objetivo de estimular iniciativas voltadas para o atendimento de áreas e populações pouco assistidas ou desassistidas em suas necessidades de educação de vida (formação) e/ou profissional (capacitação) e suas relações com o ambiente sustentável.

Das Categorias Personalidade Amazônica e Empresas na Amazônia

Será concedida uma honraria Personalidade Amazônica e uma honraria Empresas na Amazônia, visando à outorga de menção honrosa de personalidades e empresas que promovam ações relevantes em prol do desenvolvimento sustentável da Amazônia.

Serviço

As inscrições para os prêmios Benchimol 2011 e Banco da Amazônia – Empreendedorismo podem ser feitas através do site: www.amazonia.mdic.gov.br.

A solenidade de entrega da premiação será realizada em novembro de 2011, na Federação das Indústrias do Amapá (FIEAP).

Fonte: FIEAP

Próximos Eventos