+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Indústria de semicondutores reage à liquidação da Ceitec

A indústria de semicondutores indicou preocupação com a decisão do governo federal de fechar a Ceitec, a estatal que projeta chips. Em nota, a Associação Brasileira da Indústria de Semicondutores aponta que a “liquidação distanciará ainda mais o Brasil do conhecimento de ponta necessário ao desenvolvimento de produtos de alta tecnologia e diminuirá as chances para que possamos reduzir a enorme dependência de produtos importados”.

O anúncio foi feito após reunião do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos, na terça-feira, 10/6, onde relatou-se a falta de interessados em comprar a empresa, uma vez que a intenção inicial era privatizar a Ceitec no começo de 2021.

Para a entidade, é ilustrativo que o anúncio tenha se dado no mesmo dia em que os Estados Unidos apresentaram projeto para injetar US$ 22,8 bilhões na atração de fabricantes de semicondutores. E ressalta a necessidade de serem “implementadas atividades capazes não somente absorver os recursos humanos, com muitos especialistas, mestres e doutores”.

Segundo o presidente da ABISEMI, Rogério Nunes, a Ceitec foi a única fábrica que logrou desenvolver um certo nível de capacidade de difusão dos chips no hemisfério sul do planeta, num investimento estratégico feito pelo país, que inclusive atraiu aportes estrangeiros.

Fonte: Convergência Digital

Próximos Eventos