+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Gendered innovation: desenvolvimento tecnológico a serviço de todos

Claudia Melo é professora adjunta na UnB, Conselheira do Mulheres na Tecnologia, Aprendiz, CTO e é keynote da maior Conferência sobre Web no Brasil, a Webbr, que acontecerá esse ano nos dias 13 e 14 de outubro no Centro de Convenções Rebouças. O tema de sua apresentação será “The Web of Gendered Innovations” (A Web das Inovações de Gênero). Nessa entrevista concedida para o nosso blog, Claudia menciona como as inovações de gênero podem melhorar a equidade, a criatividade e a inovação gerando impactos que vão muito além da economia.

1) O que são Gendered Innovations?

Gendered Innovations ou “Inovações de gênero” é um termo que resume a análise de sexo e gênero em todas as fases da pesquisa básica e aplicada, para estimular novos conhecimentos e tecnologias. As inovações de gênero melhoram a equidade, a criatividade e a inovação. Problemas de todos, soluções para todos.

Sexo e gênero são uma dimensão valiosa para a pesquisa até então pouco ou mal utilizada estrategicamente. A ciência ainda tem uma ótica de que o “default” é o gênero masculino sobre quem e o que está sendo estudado.

Por exemplo, quando estudamos técnicas de aprendizado de programação, a maioria dos estudos não se preocupa se falamos do aprendizado de meninos ou meninas. Considera-se, automaticamente, que o sujeito de estudo, o aprendiz, é um menino. Esse tipo de viés permeia todas as áreas científicas.

2) Você poderia dar exemplos de cases de sucesso em que a análise de gênero influenciou positivamente o desenvolvimento de tecnologias?

Exemplos de inovações de gênero podem ser encontradas em diversas áreas, desde Engenharia à Saúde, Meio Ambiente e Computação.Um estudo sobre projetos de água, em 13 países, mostrou que representação e participação equitária de mulheres em comunidades de gestão de serviços de água contribuiu para o maior sucesso dos serviços [1].

Na área de saúde, homens foram beneficiados por gendered innovations na área de osteoporose, antes dominada por estudos só para mulheres. Agora o diagnóstico e as tecnologias de tratamento estão também focadas em homens [2]. Mulheres se beneficiaram no tratamento de infarto do miocárdio, muitas vezes não diagnosticado e tratado corretamente, pois as pesquisas padrão só traziam procedimentos para homens [3] .

Em Computação, existem alguns trabalhos científicos incorporando adequadamente a visão de gênero. Um exemplo são os estudos em aprendizado de máquina e tradução de textos para evitar tradução padrão para o gênero masculino [4]. Outro exemplo conhecido é o GenderMag [5], um método criado para inspeccionar a usabilidade de software e levantar limitações de inclusão de gênero.

Muitos trabalhos ainda estão em estágio inicial e nem sempre conectados ao diálogo maior sobre inovação e gênero.

3) Na sua opinião, existem melhorias possíveis para as tecnologias da Web, sob a perspectiva de gênero?

Sem dúvida! E esse será o tema do meu keynote na Conferência Web.Br, em outubro.

Em 2014, quando falei sobre The Web Women Want, mostrei o quanto os fenômenos que acontecem offline se propagam no que vivemos online. A promessa da Web era de um espaço democrático. Precisamos tentar, de fato, construí-lo!

As abordagens atuais de equidade de gênero buscam corrigir:

1) o número de mulheres em ciência e tecnologia,

2) as instituições e

3) o conhecimento.

Uma das linhas atuais de minha pesquisa busca contribuir para a correção do conhecimento na Web. Estou no início da investigação de padrões de linguagem na Língua Portuguesa que possam ser considerados enviesados em gênero, para que possamos desenvolver tecnologias capazes de detectá-los. Será possível, por exemplo, revisar websites brasileiros, identificar textos sexistas e sugerir melhorias.

Há também possibilidade de pesquisa em algoritmos computacionais, esses tão usados na Web e Big Data, pois eles podem perpetuar problemas de discriminação entre gêneros. Os termos algorithmic discrimination e algorithmic fairness são usados para descrever o fenômeno da discriminação, no contexto de TI e Web.

Há também a oportunidade de inovar transformando estruturas, como a de governança e infraestrutura de Internet, hoje dominado por homens. A visão de mulheres e do feminino pode trazer maior equilíbrio para este bem público que é a Internet.

4) Como você imagina que as tecnologias e os produtos seriam, caso fossem projetados por mais mulheres?

As possibilidades são muitas, pois é algo que pouco fizemos em muitos campos tecnológicos e de produtos. Em pesquisa, ainda é cedo dizer, mas já existem resultados que mostram que o gênero feminino tende a entender tecnologia como um meio para atingir propósitos significativos, em vez de um fim em si mesma (como reportado no gênero masculino)[6]. O feminino e o masculino complementam-se na criação de tecnologias com alto impacto.

Conferências como a Innovation4All estão surgindo para reunir especialistas em design e discutir como seria desenhar soluções com o mínimo de viés. E aí que está o desafio: muitas vezes somos inconscientes sobre nosso próprio viés sobre quem não é parecido conosco. Por isso, precisamos de mais mulheres projetando soluções para mulheres como uma forma de endereçar esse problema.

5) Como você vê o impacto econômico da equidade de gênero no mercado de tecnologia e inovação?

Existem dois tipos de impactos econômicos: i) o de maior eficiência e efetividade das tecnologias já existentes e ii) o de criação de tecnologias disruptivas criando espaços até então inexistentes.

O viés de gênero, em pesquisa, já gerou prejuízos altos. Nos Estados Unidos, entre 1997 e 2000, 10 medicamentos foram retirados do mercado por causarem riscos à vida, 4 deles perigosos para mulheres. A pesquisa pré-clínica não considerou gênero como parte dos testes.

Do ponto de vista de disrupção, o entendimento de como projetar soluções, considerando gênero, pode criar cenários nunca antes vistos. Como mulheres projetariam carros para mulheres, por exemplo? Ou serviços em hotéis voltados para o público de negócios?

O trabalho do 4B, um coletivo de pessoas inovadoras e empreendedoras, é exatamente sobre como projetar soluções que satisfaçam 4 bilhões de mulheres no mundo. E há, claro, os impactos intangíveis economicamente, como a falta de testes de colisão de carros apropriados para mulheres grávidas, que pode gerar danos a bebês em geração. A equidade de gênero pode gerar impactos muito além da economia. Envolve vidas, bem-estar e a forma como enxergamos o mundo.

Referências

[1] Postma, Leoine, Christine van Wijk, and Corine O e. 2003. Participatory quantification in the water and sanitation sector. Participatory Learning and Action (PLA) Notes 47: 13-18.

[2] Cummings, Steven R., Peggy M. Cawthon, Kristine E. Ensrud, Jane A. Cauley, Howard A. Fink, and Eric S. Orwoll. 2006. Bone Mineral Density (BMD) and risk of hip and nonvertebral fractures in older men: A prospective study and comparison with older women. Journal of Bone and Mineral Research 21: 1550-56.

[3] American Heart Association (AHA). 2011. Women, heart disease and stroke. Dallas, TX: American Heart Association.

[4] Stanford (2016). Case study “Machine Translation: Analyzing Gender”. Available at: http://genderedinnovations.stanford.edu/case-studies/nlp.html

[5] Burnett et al. (2016) Margaret Burnett, Anicia Peters, Charles Hill, and Noha Elarief. Finding Gender-Inclusiveness Software Issues with GenderMag: A Field Investigation. ACM Conference on Human Factors in Computing Systems (CHI), May 2016 (to appear). Best Paper Honorable Mention.

[6] Schroeder, Klaus. 2010. Gender dimensions of product design. Paper presented at the Gender, Science, and Technology Expert Group meeting of the United Nations Division for the Advancement of Women (UN-DAW), 28 September, October, Paris, France.

Fonte: O Estado de São Paulo

2010 nfl week 14 recapBanner has to practice meditation, wear a heart rate monitor on his wrist, and avoid YouTube comments in order to keep his inner beast in check.”Dislikes mean nothing, dislikes mean nothing, dislikes mean nothing .”. Don Shula holds a unique record among the great coaches with repeated victories. It’s not like anything Jeffrey Lurie’s Eagles have done over the last two decades has gotten the fans a parade down Broad Street, so why not throw caution to the wind and take a chance on the most important position on a football team.. He has achieved a rare feat of being a 3 time Olympic and World champion in weightlifting. Other than searching for images online, you can visit popular tattoo salons and ask for the artists’ previous work. This article is meant to serve as a journal for myself as to the rationale of why I bought/sold this stock when I look back on it in the future. Right up until they freaking disappeared Cheap mlb Jerseys without a trace from inside their completely undamaged L 8 airship.. This suggests EA’s recurring sports titles and catalog sales could grow double digit in the quarter. Bring to boil, then lower to a simmer and reduce the port by half, about 30 minutes. He already owns stock from a previous sale, and says he’ll buy at least one more share.. ET and moved 540 miles southeast to Ford Field in Detroit, Michigan, the NFL said in a statement Sunday. “It wasn’t that he didn’t have a high football IQ because he does, but it was that we gave him everything, we gave him the whole playbook and you got to call the defense,” Casillas said. Peripapillary RNFL thickness and macular RNFL thickness parameters were automatically calculated with the software provided by the manufacturer. At the end of 2013, the coalition accounted for 56% of revenue compared to 39% in 2009.. It’s been absolutely phenomenal and I’m just delighted to be wholesale jerseys china in the team.. I think that’s what http://www.cheapoakleys2013.com Buddy really, where the genius of that was; he had http://cheapjerseysupply.com by formation a different combination and group of blitzes so depending on what formation you were in, then he ran a blitz that would attack that formation and then when you changed formations, then he would change blitzes. Although Bill Kelty would be impressed by the number of lavatories they have here. If anything the NFL could cheap fake oakleys take note of that and see what you guys are doing over here.”Our Regional News StoriesThe Northern AdvocateToday’s Advocate and Age available free via e bookWe sincerely apologise for any inconvenience caused by the non publication of both papersHawke’s Bay TodayMcDonald’s ‘stabbing’ in Napier Two people were taken to hospital after a fight in Napier McDonald’s last night..

Próximos Eventos