+55 (61) 4101-6508 / 4101-6509

Notícias

Divisão abre crise na organização BrOffice.org

A comunidade BrOffice, composta por grupos de usuários e desenvolvedores do pacote para escritório baseado em software livre, publicou abaixo assinado nesta segunda-feira, 21, no qual acusa a ONG BrOffice.org de estar “perceptivelmente desvirtuada dos objetivos históricos da instituição, de servir de figura jurídica para a comunidade, assim como apoiá-la, buscando formas de financiar suas atividades”.

No documento, o grupo diz não existir razão ética nem legal para a existência de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) que “desconsidere, sistematicamente, o seu coletivo com têm feito a BrOffice.org, especificamente através do seu conselho administrativo”.

A ONG hoje está dividida entre os que apóiam o presidente Cláudio Filho no resgate dos objetivos históricos da instituição e os que apóiam um grupo de pessoas que decidiram que a OSCIP não existe para apoiar a comunidade, mas para comandá-la. Assim, a OSCIP se tornaria, digamos, uma empresa que representaria a TDF (The Document Foundation) no Brasil, à revelia da comunidade brasileira.

Entre as acusações constantes no abaixo assinado está a de que a decisão da ONG de não apoiar o Encontro Nacional do BrOffice – EnBrO – neste ano ter sido tomada sem o respaldo da comunidade, inclusive com a manipulação de informações.

No abaixo assinado, a comunidade BrOffice exige a manutenção de Cláudio Filho na presidência da ONG, a convocação imediata de uma assembleia geral para a prestação de contas e a abertura, para a comunidade, das atas e decisões das reuniões e das assembléias gerais.

Fonte: TI Inside de 22/02/2011

Compartilhe:

    Próximos Eventos