+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Curso do Google ensina mães a criarem negócios de sucesso

Como você imagina um curso para empreendedores? No Google for Moms, voltado especificamente para mães e pais que estão iniciando um negócio, a sala de aula é ao mesmo tempo uma brinquedoteca.

 A primeira edição do treinamento terminou esta semana com uma palestra do empreendedor Gustavo Ziller. Enquanto ele falava sobre negócios e filhos, seis crianças exploravam os brinquedos espalhados pelo chão.

Uma menina de seus dois anos passeava pela sala num recém-descoberto carrinho vermelho, enquanto um bebê se encantava com a boneca nas mãos da mãe. De uma sala com cerca de 30 adultos, ao menos seis estavam sentados no chão, ouvindo a palestra enquanto cuidavam dos pequenos.

Ziller falou sobre a importância de dizer ‘sim’ aos filhos e aos funcionários: “Hoje, quando você ‘sim’ para um funcionário, ele não sabe o que fazer. Porque criado na cultura do não. As oportunidades se constroem com o ‘sim’”.

A ideia resume bem a proposta do Google for Moms, um espaço em que empreendedoras aprendem a dizer sim para a maternidade aliada à realização no trabalho.

“Meu negócio já está andando, mas vir para cá me fez ver muitas coisas que eu não tinha pensado. Os mentores me trouxeram muitas ideias diferentes”, afirma a empreendedora Denise Della Nina Andrade, dona da Okipoki, uma plataforma de aluguel de brinquedos.

O curso teve seis encontros, nos quais Denise e outras 15 empreendedoras puderam aprender mais sobre questões como plano de negócios, marketing e planejamento. Tudo de graça.

Mãe de duas meninas, ela conta que tem um emprego na área de marketing e mantém seu negócio de forma paralela.

Assim como muitas startups tocadas por mães, a Okipoki surgiu a partir de um problema enfrentado pela própria empreendedora. “Eu queria alguns brinquedos para minha filha, mas achava muito caros e sabia que ela ia enjoar logo. Fui pesquisar para alugar e vi que não tinha. Então resolvi abrir um negócio nessa área”.

Essa é uma questão importante para Karen Kanaan, empreendedora e mentora do curso. “Acredito que ninguém melhor do que a mãe pra saber o que ela precisa. Para mim não faz sentido que o universo infantil hoje não tenha empresa criada por mãe. Vejo alguns negócios e penso: ‘Por que não foi criado por uma mãe?’. É porque os negócios de mães nascem com um propósito, mas com pouco modelo de negócio. Por isso dei tanta força para esse programa”, afirma.

Karen é dona da Baby&Me, uma startup residente no Google Campus, cuja proposta é criar itens que tragam praticidade à vida dos pais – dentre os produtos estão trocadores de fralda, absorventes para desfralde e suportes para cadeiras. Não é preciso nem dizer que a ideia surgiu da necessidade da empreendedora como mãe.

Para mães e pais

O Google for Moms é um programa que acontece em diversos Campus Google pelo mundo. Em Londres já está em sua sexta edição. Por aqui, a primeira versão acabou de acabar e a próxima deve ser lançada no ano que vem, mas ainda sem data.

Ainda que leve o nome das “mães”, o programa é voltado para pais e mães em geral, que tenham interesse em abrir o seu negócio.

“O ‘for moms’ é uma ação proativa da nossa parte de tentar trazer para o ambiente empreendedor uma parcela da população que hoje ainda é minoritária nesse universo, que são as mulheres”, explica André Barrence, diretor do Google Campus São Paulo.

E não falta interesse desse público no tema do empreendedorismo. A primeira edição do programa em São Paulo recebeu mais de 200 inscrições, das quais foram selecionadas 16 empreendedoras. “Isso nos mostra que há uma demanda reprimida desse público.”

Fonte: Exame

Associating cheap nfl jerseys shop something popular and successful (Henry) with a product (the Warriors) is the oldest advertising trick in the book. BUT, the Crusaders are a decidedly better side without Carter jogging around, as he did last year.4) It’s all very well Hugh McGahan calling for the Sacked Six to remain banned from the Warriors first grade side.BUT you be the coach dealing with all the pressure and expectation. The day before Dalton died, Katie said she did not feel regretful about their choice to meet face to face. “It gave me some of the best years of my life,” she said. “I’d rather have five years of being in love and just really completely happy than 20 years of not having anybody.”Houston. Dallas. San Antonio. Texas’ three Cheap Jordan 11 largest cities each have commercial airports providing regular daily service from around the country. Houston actually has two http://www.cheapnfljerseyssu.com airports and makes for a good, short getaway for those seeking a cosmopolitan vibe in the Lone Star State. It’s Texas’ largest city and close to the Galveston area of the Gulf Coast, in case you need a day trip to the beach. For an impressive dose of history and culture, San Antonio is sublime. Life in San Antonio is heavily influenced by Tejano culture, a localized hybrid of Mexican, Texan and German heritages. It’s also where you can remember the Alamo and explore the River Walk these famed attractions are a stone’s throw from each other downtown. In the modern age, Dallas has shed its cowboy image and blossomed into a major arts and culinary destination. But, of course, nearby Arlington is still home to the Cowboys of NFL fame.Rothko would go to extreme lengths to get a certain tone. He’d cheap football jerseys do everything possible . except use the actual color of paint, that is. One of his techniques was to create differently colored squares using the exact same pigment. He’d apply a bunch of layers on top of one another in varying amounts, creating different hues. Another involved layering various colors to create a completely different one Black on Maroon up there, for example, is more like Ultramarine Blue On Maroon On Blue Black On Brown Black On Etc., but that’s a way less catchy title.Nothing makes NBA fans feel more at home than having authentic NBA collectibles adorn their living rooms and basements. Some people lay pillows and blankets that feature team emblems over their furniture. NBA street signs, player jerseys (especially throwbacks), and basketball http://www.cheapnfljerseyssu.com photographs decorate basements and game room walls, letting visitors know which households watch the NBA.

Próximos Eventos