Notícias

Confap e Consecti promovem último fórum nacional do ano em Macapá

Importantes temas da área de CT&I serão abordados por autoridades e renomados profissionais.

Nos dias 12 e 13 de novembro, a capital do Amapá – Macapá, sediará o fórum nacional dos Conselhos Nacionais de Secretários para Assuntos de CT&I (Consecti) e das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap). O encontro ocorre no Museu Sacaca (Av. Feliciano Coelho, 1509 – Macapá) e conta com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Amapá – Tumucumaque.

É a primeira vez que o estado do Macapá realiza este evento de abrangência nacional, que tem o objetivo de discutir políticas públicas de CT&I para o desenvolvimento sustentável do País. Segundo o presidente do Confap, Mário Neto Borges, a intenção do Confap e Consecti é fortalecer a Fundação de Amparo à Pesquisa do Amapá, uma das mais novas Faps do Sistema de CT&I, através da promoção de seu encontro nacional na região. “É fato conhecido que a reunião conjunta dos dois Conselhos sempre atrai importantes autoridades, ministros e presidentes de agências federais. Dessa forma os pronunciamentos, apresentações e decisões podem repercutir fortemente na consolidação da Fap local e chamar a atenção da sociedade regional para o tema da ciência, tecnologia e inovação”, observa.

Durante os dois dias do encontro, temas importantes da área serão pautados como “O papel da CT&I para o desenvolvimento regional”, “Modelos de desconcentração em CT&I”, “Inserção do ensino profissionalizante no sistema estadual de CT&I”, dentre outros. O governador Camilo Capiberibe participa do fórum ao lado de autoridades do setor como o secretário de educação profissional e tecnológica do MEC, Marco Antônio de Oliveira, o presidentes do Consecti, Odenildo Sena; do CNPq, Glaucius Oliva; da Finep, Glauco Arbix e da Capes, Jorge Almeida Guimarães.

Ao longo deste ano foram promovidos quatro encontros em diferentes estados brasileiros – Curitiba, Goiânia, Maranhão e Gramado, quando foram tratadas questões cruciais para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia do Brasil. “Avalio de forma positiva todos esses eventos, pois avançamos muito no âmbito político e no aspecto prático das parcerias nacionais e internacionais. Os dois Conselhos são hoje reconhecidos e respeitados no País e no exterior quando o assunto é CT&I”, revela o presidente do Confap.

De todos os Fóruns realizados, Mário Neto Borges, fez questão de destacar o encontro ocorrido em julho, em São Luís, durante a 64ª Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que tem sido – junto com a Associação Brasileira de Ciências (ABC) – parceiros importantes na luta nacional pela valorização da ciência brasileira. Para ele, este foi um momento emblemático.

De acordo com o presidente, várias outras conquistas também foram alcançadas ao longo deste ano. “Formalizamos parcerias importantes com a Capes, o Decit do Ministério da Saúde, o CNPq, a Finep e o MCTI, além de inaugurarmos uma relação com o Ministério das Comunicações. Na internacionalização avançamos em parcerias articuladas com a França, através do INRIA e do CNRS, no Canadá com o ISTP e nos EUA com a Fundação Bill e Melinda Gates”.

Novos avanços

Para Mário Neto, 2013 será um ano importante para o Confap, pois logo na primeira reunião do ano será eleito o novo presidente do Conselho e certamente será uma oportunidade para discutir o que deve ser mantido e aperfeiçoado na agenda dos Fóruns, sobretudo, os novos projetos que deverão ser implantados.

“É certo também que teremos um ano de grandes avanços, especialmente na relação com as agências federais, pois o MCTI tem sinalizado que não haverá os desastrosos cortes orçamentários do governo federal que aconteceram nesses dois últimos anos”, ressalta.

Veja mais informações e a programação completa do Fórum Nacional no link: http://www.confap.org.br/noticia.php?noticia=3283.

Fonte: Assessoria de Imprensa Confap

Próximos Eventos