Notícias

Brasil vai impulsionar etanol de 2ª geração, diz BNDES

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, sinalizou que o governo está empenhado em impulsionar o setor de etanol e açúcar no Brasil. Ao participar de “Ethanol Summit”, em São Paulo, ele destacou que o Brasil tem condições de assumir a liderança do desenvolvimento do etanol de segunda geração.

“Não faltará, por parte do governo federal, todo apoio para aumento dos investimentos do setor de etanol nos próximos anos”, afirmou.

No ano passado, segundo Coutinho, o BNDES financiou R$ 7,6 bilhões em projetos do setor. Ele acrescentou que a crise global de 2008 retardou os investimentos do setor produtivo de açúcar e álcool e destacou que é preciso partir para uma nova geração de projetos que permitam dobrar até 2020 a capacidade do setor brasileiro de açúcar e álcool.

Fonte: Valor Econômico