Notícias

Brasil precisa inovar mais, afirma especialista

A baixa inovação é um problema para o Brasil. A Fundação Dom Cabral divulgou nesta quarta-feira (18) estudo internacional que aponta o país com baixo índice de competitividade e sinaliza preocupação e necessidade de mudanças. A informação é do coordenador do Núcleo de Inovação da entidade, Carlos Arruda, e foi divulgada em palestra na terça-feira (17) no 6º Congresso Latinoamericano de Clusters.

Segundo Arruda, as empresas brasileiras consideradas as que mais inovam destinam apenas 2,9% a esta finalidade. Na visão dele, não há investimentos em novos produtos ou tecnologias.

Carlos Arruda também chamou a atenção de alguns assuntos que serão destaque no estudo divulgado pela Fundação Dom Cabral, especificamente em relação à área econômica. Ele alertou sobre questões como o crescimento focado no consumo, as taxas de juros elevadas e a valorização excessiva do Real.

Fonte: Agência Sebrae