Notícias

Brasil participa do maior torneio de educação profissional do mundo

Manter-se entre os três países com os melhores talentos do ensino técnico do mundo. Esse é um dos maiores desafios da delegação brasileira no Worldskills 2011, em Londres. O evento, que começa hoje e termina sábado, é o maior torneio de educação profissional do mundo e chega este ano à sua 41ª edição, com a participação de cerca de mil estudantes de cursos técnicos profissionalizantes de 51 países. O Brasil está presente com 28 competidores.

As provas simulam o dia a dia de diversos tipos de trabalho e os estudantes são  avaliados por sua habilidade em executar tarefas dentro dos padrões internacionais em disciplinas como tecnologia da informação, mecatrônica, robótica e design gráfico. Além disso, existem competições para chefs, músicos e artistas, entre outras. Os participantes nacionais participarão de 25 categorias.

Dos brasileiros classificados para o Wordskills 2011, 23 são do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e 5 do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). Em 2007, em Shizuoka, no Japão, a delegação nacional ficou em 2º lugar, com 9 medalhas e 7 diplomas de excelência. Já em 2009, em Calgary, no Canadá,  o país ocupou a 3ª colocação, com 10 medalhas e 5 diplomas de excelência.

A abertura do evento ocorreu na noite de ontem no centro de convenções O2 Arena.  Na ocasião, o chairman do Worldskills 2011, Chris Humphries, afirmou que um dos maiores objetivos do evento é incentivar o crescimento profissional dos jovens. “Eles vão nos dar as soluções para um mundo cada vez mais complexo.”

O vice-premiê britânico Nick Clegg disse que as habilidades desses jovens são a base da economia. “Eles estão, de fato, criando e desenvolvendo coisas. O futuro está em suas mãos.”

Fonte: Valor Econômico

Próximos Eventos