+55 (61) 9 7400-2446

Notícias

Brasil criou 16 mil empresas de TI no 1º semestre. Outras cinco mil, porém, foram desativadas

O Brasil possui 250,6 mil empresas de TI, o que significa 49% a mais do contabilizado em 2010, revela o estudo ‘Insights Report – Panorama do Setor de Tecnologia da Informação e Comunicação’, feito pela Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação no Paraná (Assespro-PR), em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Consolidado em julho, e com dados relativos ao primeiro semestre de 2021, o boletim aponta, ainda, abertura recorde de empresas no ramo de serviços em TI, durante a pandemia de Covid-19. Em 2020, foram 25 mil novos negócios nesse ramo, no país. Nos seis primeiros meses deste ano, já foram 16 mil novas empresas, o que equivale a 64% do registrado durante todo o ano de 2020. O levantamento é feito com base em dados oficiais (da Receita Federal) e o diagnóstico serve de parâmetro para investimentos e políticas públicas no setor de inovação.

Um dado do relatório é que o Paraná ultrapassou o Rio Grande do Sul, que chegou à quarta posição no ranking, ficando mais perto do terceiro colocado, Minas Gerais. São Paulo e Rio de Janeiro lideram o mercado nacional. Apesar dos resultados, o segmento não ficou imune às crises. Para as 16 mil empresas abertas no país no ramo de serviços em TI entre janeiro e junho de 2021, verificou-se um total de 5 mil outras inativas.

“A quantidade de empresas criadas [no Brasil] passou de cerca de 14 mil, em 2010, para 25 mil em 2020, uma alta de 79%. Já as empresas inativas passaram de cerca de 6 mil para 11 mil [no mesmo período], um aumento de 80% de inativas”, sublinha o estudo. 

Fonte: Convergência Digital em 18/08/2021

Próximos Eventos