Notícias

Assembleia de Minas quer comprar 90 iPads para deputados

A Assembleia Legislativa de Minas Gerais abriu uma licitação para a compra de 90 iPads, que serão distribuídos aos deputados estaduais.

A licitação inclui a compra de seis computadores da Apple, fabricante do iPad, e dois scanners. O gasto previsto é de R$ 257 mil.

Segundo as exigências do edital, o iPad deve ter ser da versão 2 com memória de 64 GB e conexão Wi-Fi e 3G. No site da empresa, a cada modelo custa R$ 2.599.

Também serão compradas as capas protetoras e a garantia estendida da Apple.

Publicada ontem no “Diário Oficial” da Assembleia, a licitação prevê a realização de um pregão eletrônico para o dia 23 deste mês.

Além dos iPads distribuídos aos 77 deputados, outros 13 tablets serão dados aos funcionários da área técnica.

O diretor de Planejamento e Coordenação da Assembleia, Alaor Messias Marques Júnior, afirma que um aplicativo de iPad está sendo desenvolvido para os deputados.

“O programa terá a legislação básica, a agenda dos eventos e um clipping de notícias sobre a Assembleia. Só essa função vai substituir um calhamaço de 100 páginas distribuído todo dia aos deputados”, afirma Marques.

É a segunda licitação aberta para a compra dos tablets. A primeira, que estava marcada para maio, foi suspensa depois do lançamento da versão 2. “Exatamente no meio do processo licitatório saiu o iPad 2.”

De acordo com o diretor, a compra foi decidida no começo do ano e faz parte de um “esforço de planejamento estratégico” da Mesa Diretora que tomou posse este ano.

Os deputados terão que devolver o equipamento ao deixarem o mandato.

Fonte: Jornal Folha de São Paulo

Próximos Eventos