+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

USP pretende abrir 13 cursos de mestrado profissional até 2013

A Universidade de São Paulo (USP) pretende abrir 13 novos cursos de mestrado profissional até 2013, principalmente nas áreas de saúde e educação. Quatro cursos já foram aprovados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação (MEC), e serão iniciados no segundo semestre deste ano. Eles são nas áreas de Matemática, Física, Gestão Pública e Construção Civil na área Tecnológica (Escola Politécnica).

De acordo com o pró-reitor de Pós-Graduação, Vahan Agopyan, a criação dos mestrados foi desencadeada pelas mudanças no Regimento da Pós-Graduação. “Ela não pode ser formadora somente de pesquisadores acadêmicos, mas sim de recursos humanos altamente capacitados para atuar em todos os setores da sociedade”, afirmou Agopyan.

 Em 2010 foi formado um grupo para analisar e sugerir mudanças na pós-graduação da universidade. Foi identificada uma grande demanda do mercado, principalmente na área da saúde. As mudanças no regimento ainda aguardam a aprovação do Conselho Universitário, porém a discussão e a aprovação do novo texto pelo Conselho de Pós-Graduação foram suficientes para motivar as propostas de novos cursos.

 Atualmente, a USP não oferece mestrados profissionais e forma apenas docentes e pesquisadores por meio de mestrados acadêmicos. Os mestrados profissionais também são stricto sensu e concedem o título de mestre, mas são voltados para o mercado de trabalho, com ênfase na experiência profissional e na prática dos conhecimentos teóricos.

Fonte: Universia Brasil

Próximos Eventos