+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

UEMS presta honra aos responsáveis por sua criação

Nesta sexta-feira, 8 de agosto, a UEMS (Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul) prestou homenagem de honra ao mérito a personalidades que fizeram parte de sua história. A cerimônia faz parte da programação de comemorações dos 20 anos da universidade, aconteceu às 9h na Assembleia Legislativa, no Parque dos Poderes, em Campo Grande.

Foram homenageados Pedro Pedrossian, ex-governador e responsável pela criação da UEMS, que esteve presente; Walter Carneiro, autor da emenda constitucional que garantiu a criação da Universidade; e Roberto Razuk, signatário da emenda constitucional que garantiu a criação da Instituição. Também receberam diplomas de honra ao mérito, os ex-reitores da UEMS:  Jair Madureira, primeiro reitor da Universidade; Leocádia Aglaé Petry Leme, reitora de 1995 a 2003; Luiz Antônio Gonçalves (in memorian), ex-prefeito de Dourados e  reitor de 2003 a 2007; e  Gilberto José de Arruda, que geriu a Universidade de 2007 a 2011.

Também serão congratulados o presidente da comissão de implantação da UEMS, ex-deputado estadual Ary Rigo, e Fernando Paiva, membro desta comissão, além da presidente da sub-comissão responsável, professora Eliza Cêsco, juntamente com os outros integrantes do grupo.

A  solenidade contou com a presença de professores e técnicos da UEMS, estudantes, comunidade acadêmica, autoridades políticas e representantes de diversos segmentos da sociedade sul-mato-grossense. O Diretor-Presidente da Fundect, Marcelo Turine, prestigiou o evento.
 
Importância regional
 
Ao longo de sua história, a UEMS obteve destaque na atuação em ensino, pesquisa e extensão, e consolidou seu espaço entre as melhores universidades públicas de Mato Grosso do Sul. A universidade é responsável por 11 mil acadêmicos formados, sendo que 82% de seus egressos são provenientes de escolas públicas e 70% de seus graduandos residem no Estado.

Atualmente, a Instituição está presente em 15 cidades do Estado, com suas respectivas unidades universitárias. Em outros 10 municípios, a UEMS mantém polos de ensino a distância, por meio de convênio com as prefeituras locais. A Universidade oferta 54 cursos de graduação presenciais, 11 mestrados, 12 cursos de pós-graduação lato sensu e um doutorado institucional.

A construção da unidade universitária em Campo Grande, com um orçamento previsto de R$ 45 milhões, confirma a boa fase que a UEMS vivencia. A unidade terá seis blocos construídos numa área total de 18 mil metros quadrados, com laboratórios, um bloco para as atividades administrativas, biblioteca central e espaço de convivência, que atenderá cerca de 1,8 mil alunos. As obras seguem em ritmo acelerado e a inauguração está prevista para novembro de 2014.

Fonte> FUNDECT

Próximos Eventos