Giro nos Estados

Tocantins terá novos polos de Educação a Distância

Dentro da política de incentivo a educação superior no Estado, o ano de 2014 começa com o anúncio de novos cursos por meio do ensino a distância, que beneficiará centenas de estudantes do interior do Tocantins.

A Sedecti – Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, juntamente com a Unitins – Universidades do Tocantins e a UAB – Universidade Aberta do Brasil irão implantar 10 novos Polos no Estado. Essa ação foi acertada pelo Fórum Estadual Permanente de Apoio à Formação Docente do Estado do Tocantins.

Os municípios que receberão os polos são: Colinas, Tocantinópolis, Natividade, Palmeirópolis, Paraiso, Miracema, Formoso do Araguaia, Pindorama, Araguaçu e Augustinópolis. Os cursos são de: letras, matemática, pedagogia e computação, sendo cerca de 40 vagas para cada curso.

“A implantação destes Polos representa a ampliação de vagas gratuitas de nível superior à população e já no primeiro semestre de 2014 estaremos estruturando esses Polos para implantar a partir de agosto os novos cursos”, destaca a diretora de Formação Profissional da Sedecti, Maria da penha Barbosa.

A diretora também acrescenta que a parceria com o município é fundamental. Neste momento inicial serão oferecidos cursos por meio da Unitins, mas os polos estão abertos para outras instituições de ensino que desejam participar. “ Quando os polos estiverem estruturados qualquer instituição poderá ofertar cursos”, pontua Barbosa.

“Levar o ensino superior a locais mais distantes do Estado, onde as pessoas não têm oportunidades de ensino de qualidade. Esse é o compromisso do Governo do Tocantins, e com estes Polos a população poderá cursar de forma gratuita e com o respaldo de uma instituição de ensino reconhecida”, explica o secretário da pasta, Paulo Massuia. Cada polo deverá receber inicialmente investimentos de quase R$ 300 mil, diz o gestor da Sedecti.

Os cursos são abertos à comunidade e qualquer pessoa que tenha cursado o ensino médio pode participar. Com os novos polos, o Tocantins passa a ter 25 Polos UAB, beneficiando milhares de estudantes.

Sistema UAB

O sistema UAB visa ampliar e interiorizar o acesso ao ensino superior público e gratuito por meio de cursos de graduação à distância. Isso também incentiva a formação de professores nas redes públicas, com oferta de licenciaturas para o exercício da função.

No Tocantins os Polos servem como apoio para a realização de atividades obrigatórias dos cursos que requerem a presença do aluno, como laboratórios, tutorias e avaliações. Em 2013 a UnB – Universidade de Brasília formou as primeiras turmas de licenciatura no Tocantins, nos cursos de Administração, Artes Visuais, Educação Física e Música.

Também neste ano o Tocantins foi classificado pela Capes, que é uma fundação ligada ao Ministério da Educação, responsável pela expansão e consolidação de cursos de graduação e pós-graduação e todo país, como o Estado que conta com a segunda melhor gestão de Polos do país.

O Tocantins se destacou, entre outros pontos, pelo número de estudantes matriculados – mais de 3 mil – e pela forma como os polos são distribuídos pelo território, beneficiando comunidades de norte a sul do Estado.

Fonte: SEDECT-TO

Próximos Eventos