Giro nos Estados

Terremoto na Bolívia é sentido em Brasília e deixa pessoas em pânico

Pessoas que trabalham ou moram na Asa Norte, Setor Comercial Sul e no Setor de Indústrias Gráficas, antiga Rodoferroviária ficaram assustadas na manhã desta segunda-feira (2/4). Elas relatam que os edifícios balançaram e alguns lugares elas desceram com medo.

Na 314 Norte, há também relatos do tremor.  “Foi muito rápido, coisa de segundos”, disse uma moradora da quadra. No Setor Comercial Sul, o abalo foi mais forte. A Defesa Civil pede que todas as pessoas que sentiram os efeitos do terremoto evacuem imediatamente os prédios.

“Estávamos no trabalho quando sentimos o prédio balançar da direita para a esquerda. As cadeiras de rodinha chegaram a se mexer. Imediatamente todos se levantaram desceram do prédio. Agora, estamos do lado de fora sem saber se podemos entrar no prédio novamente”, disse a cientista política Camila Meireles, que trabalha no SCS.

Uma pessoa que estava no mesmo local fez um relato assustador. “Tremeu o meu prédio, não só o meu, mas o de todo mundo. Saímos às pressas, correndo. Estou aqui super nervosa descendo do quinto andar até o térreo. Só consegui pegar o meu celular e a minha bolsa. Todo o Setor Comercial Sul, todo mundo na rua. Os prédios tremendo”, disse, em áudio.

O Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB) informou que o tremor na Bolívia, de 6.7 de magnitude, foi sentido em Brasília e provavelmente em São Paulo.

Fonte: Metropoles

Próximos Eventos