+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Seminário apresenta contribuições para fortalecimento da TV Pernambuco

O Seminário Internacional de Comunicação, promovido pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), em parceria com a Universidade Católica de Pernambuco, debateu hoje (19/2), os rumos e as perspectivas para a Empresa Pernambuco de Comunicação – EPC. Logo no início do segundo dia de trabalho, os participantes receberam informações, através de mesa coordenada pelo presidente da EPC, Guido Bianchi, da história e da situação atual da TV Pernambuco.

Fundada em 1984 com o nome de TV Tropical, a TV Pernambuco passou por uma grande transformação a partir do ano de 2011, com a criação da Empresa Pernambuco de Comunicação. Segundo Guido Bianchi, a emissora possui atualmente possui 29 retransmissoras que atendem ao interior do estado, atingindo uma população de 7,2 milhões de pessoas.

Guido apontou algumas ações necessárias para melhoria da TV Pernambuco, como o processo de digitalização da emissora, que terá que ser concluído até julho de 2017. Além disso, a EPC precisa agilizar a regularização jurídica das outorgas, requalificar sua mão de obra e reavaliar o modelo de radiodifusão.

No período da tarde, os participantes foram divididos em grupos de trabalho por áreas de interesse. Foram apresentadas, na plenária final no auditório da UNICAP, as contribuições dos grupos de trabalho nas áreas de Conteúdo e Participação Social, Financiamento e Sustentabilidade, Governança e Gestão e Tecnologia e Inovação. O resultado, construído de forma colaborativa, será sistematizado num documento que servirá de subsídios para a política de comunicação pública no estado e para o fortalecimento da TV Pernambuco.

“O Seminário Internacional de Comunicação: Perspectivas para a Empresa Pernambuco de Comunicação” foi uma iniciativa da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, em parceria com a Universidade Católica de Pernambuco e TV Pernambuco. O evento contou ainda com o apoio do Porto Digital, do Centro Luiz Freire e da Facepe – Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco.

Fonte: Sectec-PE

Próximos Eventos