Giro nos Estados

Seis municípios paraenses terão novos infocentros do Programa Navegapará

O Diário Oficial do Estado divulgou nesta terça-feira, 14, os nomes das dez instituições selecionadas pelos editais para implantação de novos infocentros do Programa Navegapará, lançados em 2013 pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e pela Empresa de Processamento de Dados do Pará (Prodepa). A partir de parcerias com prefeituras e entidades do terceiro setor sem fins econômicos, seis municípios passarão a contar com dez novos espaços de inclusão digital com acesso gratuito a internet.

Na Modalidade 1, nomeada “Link de internet”, as prefeituras que se inscreveram terão acesso aos seguintes serviços: internet através da rede do NavegaPará, treinamento aos monitores indicados pelas entidades, material didático para cursos de informática básica e um “Kit Cliente” contendo materiais de informática para viabilizar a conexão de internet na localidade do Infocentro. Nesta modalidade, serão contemplados os seguintes municípios: Augusto Corrêa, Bragança, São João de Pirabas, São Miguel do Guamá e Tailândia.

Já na Modalidade 2, “Link de internet e equipamentos”, voltada para entidades do terceiro setor, além do acesso livre à internet nos municípios, serão oferecidos oito computadores e uma impressora para garantir o uso social do infocentro, por meio da oferta gratuita de cursos e oficinas. A Associação dos Produtores Rurais de Terra Alta (Aproterra) foi a única instituição inscrita, neste edital, que apresentou as condições adequadas para sediar um infocentro, com a devida infraestrutura e a viabilidade técnica necessária.
A Secti enviará a todas as instituições selecionadas os acordos de cooperação técnica para que possam ser assinados. A expectativa é de que os novos infocentros sejam inaugurados neste primeiro semestre. Confira os selecionados clicando aqui.
Ainda em janeiro, a Secti lançará dois novos editais para implantação de infocentros do Navegapará. “A seleção pública constitui um marco para o Navegapará, uma vez que representa uma revitalização do Programa, democratizando parcerias e garantindo a sustentabilidade dos espaços de inclusão digital”, ressalta o titular da Secti, Alberto Arruda.
Ao todo, 40 propostas de implantação de infocentros foram submetidas nestes últimos editais. A Coordenação de Infocentros/Secti explica que muitas não foram selecionadas por não contarem, ainda, com sinal do Navegapará ou não possuirem espaços adequados tecnicamente. As instituições poderão se inscrever futuramente em novos editais, na medida em que a rede de fibra ótica do Navegapará avançar por outras regiões.
Fonte: SECTI-PA

Próximos Eventos