+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Secti e Fapesb visitam Uefs e discutem possibilidades de parceria

Para estreitar os laços e conhecer de perto principais projetos e pesquisas realizados na Universidade Estadual de Feira de Santana, o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Manoel Mendonça, acompanhado do chefe de gabinete da Secti, Roberto de Pinho e do diretor presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb), Eduardo Almeida, visitaram, na última sexta-feira (27), a instituição.

A visita teve início com uma reunião com o reitor da Uefs, Evandro do Nascimento, e a pró-reitoria, onde foram apresentados o cenário da regional e perspectivas de parcerias entre Estado e academia, principalmente em relação à área de inovação. “Precisamos que a inovação gere desenvolvimento e ganhos para a sociedade e toda área do conhecimento pode dar sua contribuição”, falou Mendonça.

Pela tarde, representantes da Secti e da Fapesb visitaram laboratórios de microbiologia, botânica, biotecnologia e modelagem. Além do Observatório Astronômico Antares, conhecendo o funcionamento e projeto de revitalização do espaço. Na oportunidade, o secretário da Secti se reuniu com cerca de 20 docentes da Uefs para ouvir questões sobre fomento para áreas de C,T&I, financiamento de pesquisas, empreendedorismo, dentre outras.

Manoel Mendonça apresentou um panorama geral sobre os planos e investimentos da Secti em áreas estratégicas e ressaltou que “temos interesse de escutar a comunidade acadêmica para fazermos esse alinhamento da melhor forma”. Ele também opinou favorável para “que houvesse carreira técnica para o campo de C&T e também reforçar os núcleos de inovação, criando esse “Know How” no Estado”.

Os docentes se comprometeram em encaminhar um documento à Fapesb com todas as demandas relativas aos entraves encontrados pelos pesquisadores da universidade. O diretor presidente da Faspeb enfatizou a importância do bom funcionamento das pesquisas realizadas pelas universidades no estado e disse que a inovação tem papel fundamental na aproximação entre universidade e empresa.

Fonte: SECTI-BA

Próximos Eventos