+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Secretário de C&T de Pernambuco visita o CINDACTA III e II COMAR

O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Lucas Ramos, visitou, nesta quarta-feira (3), o Terceiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA III) e o Comando Aéreo Nordeste (II COMAR), onde foi acompanhado pelo diretor de Ambientes de Inovação e Formação Superior da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Carmelo Bastos, e o presidente da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Facepe), Fernando Jucá, órgão ligado à Secti. Na ocasião, além de serem recebidos pelo Brigadeiro do Ar Cesar Faria Guimarães, eles tiveram a oportunidade de conhecer toda a estrutura do CINDACTA III e do II COMAR, o trabalho controle de tráfego aéreo, além de debater futuras parcerias entre as instituições.

“Este encontro é muito importante para aproximar as instituições e conectando ainda mais o Governo de Pernambuco com a Força Aérea Brasileira”, destacou o secretário de CT&I, Lucas Ramos, ao explicar que a iniciativa se faz fundamental diante da quantidade de equipamentos tecnológicos que estão sendo utilizados para garantir a segurança das pessoas no controle do tráfego aéreo e na proteção à soberania nacional. “Isso serve de inspiração para o desenvolvimento de parcerias firmadas, seja por acordo de cooperação técnica ou por meio de convênios, para que se possa colocar essa infraestrutura em uma rede e, assim, conectar a academia para auxiliar na formação da mão de obra qualificada, especializada em meteorologia, por exemplo, uma das áreas de interesse da Agência Pernambucana de Águas e Climas (APAC)”, explicou Ramos.

“Queríamos que o secretário conhecesse a tecnologia que usamos no controle do espaço aéreo para que a gente possa, a partir daí, abrir um canal de comunicação para possíveis parcerias. Estamos prontos para firmar para desenvolver ações conjuntas em um futuro muito próximo”, disse o Brigadeiro do Ar Cesar Faria Guimarães.

CINDACTA III –É uma organização responsável pelo controle de tráfego aéreo. Sediado em Recife, o órgão atua no espaço aéreo nordestino e numa vasta área sobre o Oceano Atlântico – das proximidades da costa brasileira ao meridiano 10 w. Tem como uma de suas peculiaridades a operação ininterrupta no importante corredor de rotas entre os continentes sul-americano e europeu. Praticamente todos os voos vindos da América do Sul, com esse destino, cruzam o espaço aéreo sob a tutela do órgão.

II COMAR – Exerce a representação do Comandante da Aeronáutica em sua área de responsabilidade, que representa Estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Piauí. E dentre outras competências, tem o objetivo de contribuir para a formulação e condução de políticas nacionais que digam respeito à aviação, ao controle do espaço aéreo, às atividades espaciais, à infraestrutura aeronáutica e à espacial e às atividades afins com a destinação constitucional da Aeronáutica, especialmente as relativas a recursos e ao desenvolvimento científico, tecnológico e industrial de interesse aeronáutico e espacial.

Fonte: SECTI PE (adaptada) em 12/03/2021

Próximos Eventos