+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Secretária da SECTEC-MA e organizadores da SBPC fazem balanço do evento

A 64º Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) foi um sucesso de público e também alcançou seus objetivos quanto à participação dos saberes científicos. A avaliação é dos organizadores do evento, que começou na segunda (23) e termina nesta sexta-feira (27), no campus da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), em São Luís, com o apoio e participação do Governo do Estado.

Pelo menos 25 mil pessoas participaram do maior evento científico do país. Oficialmente, foram quase 12 mil inscritos em oficinas, palestras e debates científicos, sendo a maioria do Maranhão, seguido do Pará e de Pernambuco, estado que vai sediar a edição de número 65 da SBPC, em 2013.

“O evento foi bem sucedido, com uma grande participação de pesquisadores, jovens estudantes e, também, destaque para a Expo T& C. A exposição ganhou novo fôlego com a apresentação de novas tecnologias que foram acompanhadas pelo estande do Governo do Maranhão” disse a secretária de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Rosane Guerra.

No estande do Governo do Maranhão, o sucesso foi grande especialmente quando houve a possibilidade de interação nos totens com fotografias e naqueles que contavam um pouco mais da cultura, do turismo e do desenvolvimento da indústria no estado.

Várias secretarias de Estado integraram as ações no estande do Governo do Estado nos cinco dias da SBPC. O envolvimento com a interatividade deixou entusiasmada, especialmente, a turma mais jovem, como as estudantes Luana e Jaqueline, de 13 e 14 anos, de uma escola da rede pública de São Luís. “Aqui a gente fica olhando, mexendo,interage e conhece mais do Maranhão. Tem locais bonitos que eu vi aqui e já me deu vontade de ir pessoalmente”, disse Jaqueline.

De acordo com o balanço apresentado pela UFMA, estiveram presentes na Cidade Universitária representantes de 700 cidades do país, de todos os estados brasileiros, que participaram das 55 mesas redondas, 48 conferências, 46minicursos, 5 assembléias e 3 sessões especiais. Todas elas, voltadas para os conhecimentos em ciência e propensos a discutir os saberes científicos.

“O balanço geral em números é bastante positivo, eu tive o privilégio de coordenar muitos desses eventos. As salas estiveram cheias. Nós discutimos educação essencialmente, a cidadania e o debate em prol da ciência”, afirmou a presidente da SBPC, Helena Nader.

Nader elogiou a organização do evento, que foi a primeira completamente inclusiva, permitindo o acesso na cidade universitária através de rampas para os portadores de mobilidade reduzida, bem como todas as palestras coma linguagem em libras.

SBPC Jovem

Outro destaque durante a reunião foi a SBPC Jovem, que recebeu um grande número de visitantes durante todos os dias. O Governo do Estado investiu R$ 475 mil reais no projeto.

O coordenador da SBPC Jovem, Antônio Luiz Pereira, que também é o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Maranhão (Fapema), afirmou que o sucesso foi conquistado pelo trabalho diário dos jovens. “Superou nossas expectativas, mas isso só foi possível por ter sido pelo fato dos jovens terem organizaram tudo”, comemorou.

Fonte: SECTEC-MA

Próximos Eventos