Giro nos Estados

Rio Grande do Sul formaliza credenciamento de parques científicos e tecnológicos

A governadora Yeda Crusius assinou na semana passada a resolução que formaliza o credenciamento de parques científicos e tecnológicos para o PGtec – Programa Gaúcho de Parques Científicos e Tecnológicos e faz lançamento do edital que torna públicos os critérios para a apresentação de projetos pelos parques credenciados.

Com um aporte de recursos de R$ 10 milhões, em 2010, o PGtec é o primeiro programa estadual a apoiar a implantação, consolidação e expansão de Parques Tecnológicos do Rio Grande do Sul.  Os recursos solicitados para a SCT, para cada projeto, devem ficar entre R$ 1 milhão e R$ 2 milhões, podendo ser apoiado um projeto por parque. Dos projetos selecionados será exigida uma contrapartida mínima de 20% do valor recebido, financeira ou não-financeira.

O secretário em exercício da Ciência e Tecnologia, Julio Ferst, explica que este edital abre oportunidade para que os parques credenciados no PGtec encaminhem projetos para concorrerem aos recursos disponibilizados, conforme  o decreto 46.840, de 21 de dezembro de 2009.

Os parques que se apresentaram para credenciamento são: Associação Parque Tecnológico de Santa Maria – Tecnoparque; Parque Científico e Tecnológico do Planalto Médio – UPF; Parque Tecnológico São Leopoldo – Tecnosinos; Parque Científico e Tecnológico da PUCRS – Tecnopuc; Parque Tecnológico do Vale dos Sinos – Valetec; Parque Científico e Tecnológico Regional – Unisc; e Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari – Fuvates.

Ferst lembra que o programa vai contribuir para o aumento da produção e competitividade das empresas com aumento do valor agregado a produtos e serviços. “Haverá todo um movimento social e econômico, criando um ambiente de inovação alinhado às vocações de cada uma das nossas regiões, além da criação e novos empregos de alta qualificação”, afirma.

Os projetos, que serão analisados por uma equipe técnica composta por integrantes da SCT, Seplag e Sedai, devem ser encaminhados através de formulário fornecido pela SCT e que estará disponível no site www.sct.rs.gov.br

Fonte: SCT-RS, JC