+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Programação no Rio de Janeiro alcança 35 municípios

Com 1976 atividades cadastradas até o momento, o estado do Rio de Janeiro tem 35 municípios envolvidos nas atividades da 9ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2012). Quatro cidades passam da marca de 200 atrações: Rio de Janeiro (322), Niterói (289), Petrópolis (225) e Volta Redonda (205).

Na capital, os eventos estão organizados em quatro polos e congregam mais de 90 instituições de pesquisa e ensino. “Apesar de a cidade, comparativamente a outras, possuir muitos equipamentos culturais na área da ciência e tecnologia, sua distribuição é assimétrica. É durante a SNCT que o grande público tem a oportunidade de interagir com os pesquisadores e as instituições que fazem ciência”, diz o pesquisador Douglas Falcão, do Museu de Astronomia e Ciências Afins (Mast/MCTI).

“A estratégia é espalhar polos em áreas estratégicas a fim de facilitar o acesso da população aos eventos de divulgação e popularização. Esperamos atingir um público de 50 mil pessoas, um aumento de cerca de 20% em relação ao ano passado”, acrescenta.

No polo da Quinta da Boa Vista, um ônibus cenográfico reproduzirá imagens dos ecossistemas e de parte da fauna brasileira, além de apresentar espécimes da avifauna marinha coletados no Monumento Natural das Ilhas Cagarras. Uma exposição fotográfica relembrará os 25 anos do maior acidente radiológico do país, ocorrido em Goiânia em 1987, com o césio-137. Quinze instituições estarão no local.

Haverá apresentações de experimentos interativos ilustrando princípios básicos da física e suas implicações no dia a dia, demonstrações da cadeia de reciclagem das embalagens tetrapack provenientes do lixo doméstico e exemplos de tecnologias sustentáveis desenvolvidas para embalar frutas e outros alimentos com o objetivo de evitar desperdício.

A Fundação Planetário realiza, entre terça-feira (16) e domingo (21), a Feira de Ciências. Uma tenda será montada no estacionamento com exposições e atividades relacionadas aos temas da SNCT 2012, como o debate das estratégias e mudanças necessárias para implantação de uma economia verde estabelecendo uma interface com o desenvolvimento sustentável, erradicação da pobreza e diminuição das desigualdades sociais no país.

Na Gávea ocorrerão também exposições de experimentos de robótica, da miniestação de tratamento de água, de um caminhão denominado como Planeta Light Recicla, que consiste na troca de material reciclável por desconto na conta de luz e de brinquedos feitos com material reciclado.

O Jardim Botânico, a partir de quarta-feira (17), terá a participação das unidades da Rede Faetec. A Escola Técnica Estadual (ETE) Oscar Tenório levará o projeto Banco Verde Eteot – Banco Sustentável, sobre uma instituição financeira que estimula o desenvolvimento sustentável. A ETE Ferreira Viana mostrará o projeto Biogestor Alimentar, responsável por conscientizar a comunidade escolar sobre a necessidade do reaproveitamento dos resíduos alimentares nas refeições.

Já o projeto Bueiro Coletor, da ETE Maria Mercedes Mendes Teixeira, apresentará o sistema de coleta de lixo pensado para os bueiros da cidade, com sensor de volume e peso. O projeto Witricity, da ETE República, trata da transmissão de energia elétrica sem uso de fios. A ETE Juscelino Kubitscheck promoverá o JK Sustentável, projeto de saúde e meio ambiente direcionado à conscientização dos participantes para o uso ordenado das novas tecnologias.

Na zona oeste, o Centro Esportivo Miécimo da Silva terá um Planetário Digital Inflável, que entre outras funções serve para o observador entender a movimentação dos planetas. Cerca de 50 instituições estarão presentes com jogos interativos, exibições audiovisuais, palestras, oficinas, experimentações científicas, “contação” de histórias, apresentações culturais de dança, teatro, música e capoeira, num espaço de 2 mil metros quadrados.

Institutos

O ciclo de palestras Terças Tecnológicas terá uma edição especial que integra a programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e as comemorações dos 90 anos do Instituto Nacional de Tecnologia (INT/MCTI), com o tema “Do carro a álcool ao bioquerosene de aviação”.

O Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC/MCTI) apresentará à comunidade de Petrópolis ocaminhão Oficina Desafio, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O veículo circula pelo país estimulando jovens e crianças e atraindo o público para questões estudadas em sala de aula, aproximando o cidadão do conhecimento formal e desmistificando a ciência.

O Instituto de Física da Universidade Federal Fluminense (UFF) organiza, entre terça (16) e sexta-feira (19), um ciclo de palestras ministradas por professores pesquisadores especialistas em temas como buracos negros e nanotecnologia, entre outros. Será possível também participar de uma mostra de experimentos de física e observar o céu com telescópio.

Foguetes

Cerca de 500 pessoas devem participar da quarta edição da Jornada de Foguetes, na segunda-feira, em Barra do Piraí. Os participantes vão apresentar os foguetes de garrafa pet que serão lançados da pista de pouso de um hotel-fazenda. Para a execução da prova, o material é devidamente fixado à base, preso ao chão com grampos. Numa inclinação de 45º, será apontado em uma direção livre de pessoas, árvores altas, fios elétricos, móveis, estabelecimentos ou residências, restringindo o diâmetro da área em dez metros.

Os projéteis levam combustível – sólido ou líquido – no seu interior. Esse material é queimado progressivamente na câmara de combustão, gerando gases quentes que se expandem. Esses, por sua vez, são expelidos para trás por um bocal (abertura na traseira). Nesse momento, ocorre uma reação na parede interna da câmara oposta ao bocal. Essa reação expulsa os gases, empurrando o foguete para frente.

Confira a programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Fonte: Ricardo Abel – Ascom do MCTI

Próximos Eventos