+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Programa Startup Rio inicia sua segunda edição

Os integrantes dos 60 projetos selecionados para a 2ª edição do programa Startup Rio, da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), marcaram presença, nesta terça-feira (16/02), na sede do programa, no Catete, para dar início à segunda edição. O evento contou com apresentações de parceiros, como o Sebrae e a Faperj, além de palestras de participantes da primeira edição, finalizada em 2015. O secretário Gustavo Tutuca deu as boas vindas aos novos participantes e destacou a importância de projetos como o Startup Rio para tornar o estado do Rio mais independente da economia do petróleo.

– Através deste programa, empreendedores terão a oportunidade de desenvolverem seus projetos com toda a infraestrutura necessária. Tutorias e palestras darão todo suporte para que as 60 ideias sejam desenvolvidas com qualidade. O estado do Rio vem fazendo um esforço para diminuir a dependência da sua economia da indústria do petróleo. Este processo não acontece de um dia para o outro, mas ações como o Startup Rio agem neste sentido. Estamos dando mais um passo para fomentar a indústria de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação) no nosso estado – destacou o secretário.

O presidente da Faperj, Augusto Raupp, destacou a importância que o Startup Rio têm para a economia do estado, ao preparar empresas para entrarem no mercado com solidez, podendo gerar empregos de qualidade.

– Todo este trabalho que é desenvolvido aqui tem uma razão, que será posta a prova no fim do programa, quando as startups terão a oportunidade de conquistar investidores, através do Demo Day. Desde a qualidade da apresentação do projeto até a própria ideia serão aperfeiçoadas ao longo do programa, e no final, quando virarem empresas e forem buscar um espaço no mercado, estarão capacitadas para sobreviver e gerar novos empregos.

Os novos integrantes do programa participarão de uma série de atividades: treinamentos, palestras, consultorias e tutorias vão ajudar no desenvolvimento do projeto. Ao fim do processo de aperfeiçoamento da proposta, os participantes terão a oportunidade de apresentar as suas ideias para possíveis investidores. Em 2015, o Demo Day aconteceu no Parque Lage, e contou com representantes de empresas como a Microsoft.

Participante da primeira edição do programa, Nilo Félix integra a equipe da startup Vizubox e foi um dos palestrantes deste primeiro dia de atividades, falando um pouco de sua experiência no ano passado.

– A sede do Startup Rio foi a minha casa e dos meus sócios ao longo de 2015 e existem muitos pontos positivos para serem destacados. O programa foi fundamental para o nosso crescimento como empresa, conseguindo uma maior integração da equipe. O ambiente do programa é muito bom, pois convivemos num espaço com outros empreendedores. A minha sugestão para os novos participantes é que suguem ao máximo as oportunidades dadas pelo programa. As palestras, os mentores e toda esta estrutura são fundamentais para se conseguir parceiros que ajudarão na fixação do projeto no mercado.

Integrante da segunda edição do programa, Thiago Holzmeister e mais quatro amigos inscreveram o projeto GreenAnt, de uso consciente de energia.

– Nós estamos entrando nesta segunda edição do programa Startup Rio com o intuito de aproveitar a infraestrutura e as oportunidades que são oferecidas. O apoio e as orientações que são dadas aos participantes são enriquecedoras e vão nos ajudar a alavancar mais ainda o nosso projeto.

A sede do Startup Rio fica na Rua do Catete 243.

Fonte: SECTI-RJ

Próximos Eventos