Giro nos Estados

Pernambuco inaugura telecentro na Escola Municipal Mizael Montenegro Filho

A secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação, Lúcia Melo, inaugurou, nesta sexta-feira (29), o novo telecentro de Olinda. Na ocasião, ela esteve acompanhada da deputada federal, Luciana Santos, e do secretário municipal de Educação, Paulo Roberto Silva. O espaço, que funcionará nas dependências da Escola Municipal Mizael Montenegro Filho, em Casa Caiada, teve um investimento de mais de R$ 39 mil.

A partir de emenda parlamentar da deputada Luciana Santos, a iniciativa é uma parceria entre o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e a Secti. O investimento total é de R$ 1,1 milhão e vai beneficiar 25 escolas, em oito municípios. São eles: Olinda, Paulista, Sanharó, Custódia, Correntes, Pesqueira, Mirandiba e Chã de Alegria.

A ação, que beneficia não somente os alunos, e sim os jovens, adultos e idosos moradores da comunidade próxima à unidade de ensino, visa ampliar o nível de conhecimento e informações do público beneficiado. A ideia é que, na unidade, sejam oferecidos cursos básicos de informática, oferecendo oportunidade de comunicação e interação entre as pessoas e melhorando a capacidade de articulação de grupos e entidades locais.

A unidade beneficiada recebeu equipamentos e mobiliários. Além de computadores, também foram entregues: Roteador, impressora, projetor multimídia, câmara, tela de projeção, televisor, ar condicionado, mesas e cadeiras.

“Os telecentros foram concluídos e estão todos sendo entregues. Gostaria de registrar o potencial transformador dessas estruturas. Mas elas não transformam sozinhas. Precisamos agora seguir com a banda larga para garantir conectividade, que é a porta de entrada para a troca de conhecimento e aprendizagem”, destacou, a secretária Lúcia.

“Acredito que é no contato com os pais, professores e crianças que podemos fazer as verdadeiras transformações. Essa inauguração é símbolo de um processo de inclusão digital, que hoje é mais do que nunca, necessária. Não haverá possibilidade de desenvolvermos o conhecimento sem não usarmos as novas tecnologias”, explicou, Luciana Santos.

Fonte: SECTI-PE

Próximos Eventos