+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Parque Tecnológico da Bahia comemora 2 anos com ampliação da incubadora de empresas

Com apenas dois anos de existência, o Parque Tecnológico da Bahia comemora, nesta sexta-feira (19), às 16h30, no auditório do Tecnocentro Bautista Vidal, novos passos importantes para o campo da ciência, tecnologia e inovação. Na oportunidade também serão entregues as chaves das salas para dez novas empresas, contempladas por edital de incubação da Áity. Através dos produtos e serviços desenvolvidos no espaço de convergência e integração científica, a Bahia se posiciona nacionalmente no cenário brasileiro como expoente de tecnologia e inovação.

 A Áity Incubadora de Empresas oferece apoio a 25 empresas de base tecnológica com ideias inovadoras. Algumas dessas empresas ganharam visibilidade internacional, a exemplo do MOVPAK (que criou mochila-skate como nova alternativa de transporte), a LISAN (parceria com doutor Scott Atlas na plataforma Raduniverse, canal exclusivo para médicos) e a empresa EXA-M, que investiu em tecnologia única para o desafio SIRIUS do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron, responsável pelo desenvolvimento do acelerador de partículas do Brasil, e com vistas a ser o maior da América Latina.

 Neste curto período de funcionamento, por intermédio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), foram firmados importantes convênios como o com a Universidade Federal Bahia (UFBA), para a construção do Centro Tecnológico em Energia para pesquisa em campos maduros, na área do Parque Tecnológico da Bahia; assinatura do termo de instalação do Núcleo de Desenvolvimento de Tecnologias Inovadoras de Informática para a atenção básica à saúde, do Centro de Pesquisas Gonçalo Muniz – Fiocruz Bahia; e inauguração da unidade da empresa alemã Fraunhofer (detentor da patente e desenvolvimento do MP3) nas dependências do Parque.

 Desde que assumiu o comando da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), em janeiro de 2014, o esforço da secretária Andrea Mendonça tem sido em prol do desenvolvimento de projetos de pesquisa em áreas diversas como hardwares e softwares, aplicativos para mobile, saúde, robótica, mecatrônica, TIC e desenvolvimento de games. “Nesses dois anos de existência, o Parque conseguiu que a Bahia se posicione nacionalmente como desenvolvedora de Tecnologia de Ponta. Temos uma visibilidade em termos de capacidade tecnológica motivada pela excelência, implantação e eficiência na operação”, ressaltou a secretária.

 Espaço de convergência e integração científica, no qual o poder público, a comunidade acadêmica e o setor empresarial trabalham de forma integrada e cooperativa, o Parque Tecnológico abriga 41 empresas que empregam cerca de 450 profissionais, com expectativa de aumentar este número para cerca de 120 novos funcionários até o final do ano. O Parque hoje é solicitado por diversos órgãos locais, nacionais e até internacionais para projetar, desenvolver ou modelar soluções tecnológicas diferenciadas e únicas. “Isso só é possível devido ao fato do Parque possuir expertise em diversas áreas distintas e que, ao se complementarem, nos possibilitam ofertar o desenvolvimento de produtos e processos que tenham impactos nacionais positivos e relevantes para o campo de C&T”, destaca a secretária da Secti, Andrea Mendonça.

 Áity Incubadora

As empresas instaladas na Áity incubadora de empresas recebem durante todo o período de incubação diversas consultorias, tendo acesso a uma infraestrutura de ponta para desenvolver suas atividades, num espaço de grande visibilidade aos olhos de possíveis financiadores de seus projetos. Esses resultados são medidos através do fomento, assessoramento e acompanhamento de novas empresas. A incubadora, por meio de palestras, workshops e eventos culturais, já prestou cerca de 70 atendimentos únicos por empresas e mais de dez coletivos nas áreas de Diagnósticos empresariais, Marketing e Vendas, Planejamento Estratégico, Coaching, Assessoria Jurídica, Suporte na Elaboração e Desenvolvimento de Projetos Tecnológicos, e Planejamento Financeiro e em Custo.

Fonte: SECTI-BA

Próximos Eventos