+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Parceria entre Governo do Paraná e Renault completa um ano e já apresenta resultados em CT&I

Com o objetivo de apresentar os resultados de 2015 relacionados ao Programa de Inovação Renault em parceria com a Fundação Araucária e de oferecer as boas-vindas aos novos integrantes do ciclo de 2016, foi realizado um evento nos últimos dias, no prédio administrativo da Renault, localizada em São José dos Pinhais.

O incentivo da articulação entre instituições de ensino superior e institutos de pesquisa e a Renault do Brasil, oportunizando a parceria na formação de futuros profissionais e favorecendo o aprendizado de estudantes em práticas diferenciadas relacionadas ao universo de automóveis são as prioridades das duas chamadas públicas já lançadas pela Fundação Araucária em parceria com a empresa Renault do Brasil. Em um ano de parceria foram financiadas 28 bolsas-empresa.
“Esta parceria é fundamental para a sociedade, academia e setor produtivo, pois a partir dela, temos resultados práticos, ricos e extremamente satisfatórios”, disse o responsável pela gestão da engenharia da Renault, o gerente Camilo Arango.
Os participantes do evento contaram com a exposição de painéis demonstrando os resultados dos trabalhos dos bolsistas da chamada referente a 2015, contendo os seguintes temas: recepção de meios automáticos e integração de robôs antigos com o novo sistema de comando MOP; redução de desperdício nos fluxos de processo; aplicação de ferramentas Lean na linha de usinagem de blocos de motores; estudo de otimização de linhas robotizadas na carroceria (LFR); sistema supervisório dos AGV´s (Auto Guided Vehicle); fluxos logísticos ateliers make XBB e modelo matemático de implantação de Pickings Montagem; ADAS/IHM/Conectividade; plataforma de previsão de impactos na linha de montagem CVU; manufatura digital; industrie 4.0 et loT; almoxarifado digital; impression 3D/manufatura de injeção de moldes e machine learning in tertiary activities.
“Consegui o meu sucesso profissional a partir da participação de projetos como este. Um exercício de pensar lá na frente sobre quais produtos os jovens e crianças de hoje irão idealizar no futuro”, ressaltou o responsável pela engenharia de veículos da Renault, o gerente Leandro Colombato.
Em um ano de parceria foram investidos R$ 1.298.000,00 em bolsas que variam de R$1.500,00 a R$ 3.800,00. “A Fundação Araucária tem crescido significativamente na medida em que investe em bolsas e graças às parcerias que são firmadas. Buscamos, com isso, acordos e aproximações de outros setores para que possamos agregar mais recursos nas chamadas públicas. A parceria com a Renault é a concretização da tríplice-hélice: trabalho conjunto entre governo, academia e setor produtivo. Não temos tanto fôlego financeiro, mas temos a capacidade de articulação para firmar parcerias e acordos”, destacou o diretor científico da Fundação Araucária, Nilceu Jacob Deitos.
O bolsista Marlon Marçal, aluno de engenharia da computação da Universidade Tecnológica do Paraná – UTFPR – falou sobre a satisfação de visualizar resultados positivos em seu trabalho de pesquisa. “Estou muito realizado em saber que pudemos aplicar os conhecimentos adquiridos na Universidade e de também aprender novos conceitos”, enfatizou.
Fonte: Fundação Araucária

Próximos Eventos