Giro nos Estados

Julho pode ter aumento de chuvas até 50% acima da média, preveem dados meteorológicos do Iepa

O Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (Iepa) aponta que as chuvas deverão permanecer durante o mês de julho em todo estado, podendo se aproximar dos 200 milímetros. Os dados são do Núcleo de Hidrometeorologia e Energias Renováveis.

Segundo o órgão, as chuvas podem se concentrar nas regiões central e sul do estado, com possibilidades de chuvas de 50 a 60% acima da média.

“Esse volume é um pouco menor do que o apresentado no mês de junho, porém, ainda é considerado um alto volume de chuvas. O nosso verão começar após esse mês de julho, podendo ocorrer chuvas fortes localizadas acompanhadas de ventos e trovoadas, principalmente nos primeiros 15 dias de agosto”, informa o meteorologista do Iepa, Jefferson Vilhena.

De acordo com o meteorologista, tudo indica que as chuvas devem ultrapassar a média esperada para o mês de julho, podendo chegar a 300 milímetros.

“A tendência é de que essas chuvas sejam localizadas, ou seja, não espere chuvas em todos os municípios, ou comunidades do estado, por exemplo, pode chover em um município da região metropolitana e no outro não, porém, onde ocorrer essas chuvas deverão ultrapassar os 200 milímetros”, aponta o meteorologista.

Junho

De acordo com o NHMet, choveu até o momento aproximadamente 250 milímetros no estado, ficando dentro da média esperada para o mês de junho, que variava de 250 a 300 milímetros, segundo a previsão.

Conforme o órgão, as chuvas tem se concentrado na região metropolitana – que abrange os municípios de Macapá, Santana e Mazagão – além de toda a faixa litorânea do estado.

Fonte: Governo do Amapá

Próximos Eventos