Giro nos Estados

Jaime Lerner entrega projeto da Cidade da Ciência e do Conhecimento em MG

Belo Horizonte avança na concepção do projeto da Cidade da Ciência e do Conhecimento. O arquiteto e urbanista, Jaime Lerner, entregou nesta quinta-feira (28/11), na Cidade Administrativa, ao vice-governador Minas, Alberto Pinto Coelho, o estudo do projeto executivo de arquitetura do Instituto de Desenvolvimento de Ideias Aplicadas (Ideia). A obra irá conectar as diversas instituições de ensino, pesquisa e tecnologia e será construída nos bairros Cidade Nova e Horto, região Nordeste da capital mineira. Participaram da solenidade, além do vice-governador; o subsecretario de Ciência, Tecnologia e Inovação da Sectes, Vicente José Gamarano e o deputado federal Narcio Rodrigues.
Alberto Pinto Coelho elogiou o brilhantismo da concepção do projeto e o julgou como uma conquista para a sociedade mineira e para o País. “Este projeto representa e configura diversos simbolismos ao reunirmos, num único espaço, instituições tão importantes no desenvolvimento científico e tecnológico de Minas Gerais”, afirmou.
O espaço sustentável de alta tecnologia terá 6 mil e cem metros quadrados e foi definido pelo  arquiteto Jaime Lerner como ambicioso. Ele estará inserido numa área total de 1 milhão de metros quadrados.  Lerner acrescentou ainda que a cidade da Ciência vai colocar Minas Gerais na vanguarda do desenvolvimento científico e tecnológico no País e no mundo.
“O conceito surgiu a partir da ideia de unir os diversos órgãos num espaço de convivência e convergência de conhecimento, onde a ciência será a principal protagonista. O Ideia terá um formato que lembra a Via Láctea, onde rampas em espirais levarão ao centro, que irá abrigar um palco envolto por um espelho d’água. Ao longo de cada um desses caminhos, informações serão disponibilizadas de maneira atrativa em lâminas de vidro, na forma de projeções, painéis interativos, entre outros aparatos tecnológicos, formando um corredor multimídia”, explicou Lerner.
O deputado federal Narcio Rodrigues, por sua vez,  lembrou que este é o segundo projeto do Governo de Minas que tem o toque do arquiteto e urbanista Jaime Lerner. Antes, destacou, ele já havia feito a concepção das Cidade das Águas Unesco-Hidroex, que ganhou destaque nacional e internacional, se tornando referência no desenvolvimento de pesquisas em recursos hídricos e na integração sustentável de espaços. “Os projetos desenvolvidos por Lerner são marcados pela inovação, ao propor um condomínio que permite a interlocução entre instituições que produzem conhecimento. O Ideia tem em si uma proposta para projetar Belo Horizonte para o futuro”, destacou.
A região onde o Ideia será erguido já abriga importantes instituições na área de ciência e tecnologia, cultura, arte, cidadania, educação e meio ambiente para alimentar a inovação e a criatividade na capital mineira.  Lá já estão erguidas as sedes da Fundação Centro Tecnológico de Minas (Cetec), do Centro de Formação e Experimentação Digital (Plug Minas), do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), e da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig); o Museu e Jardim Botânico da UFMG; a Incubadora de Empresas HABITAT da Fundação Biominas; e a Escola Estadual Técnico Industrial Professor Fontes. A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais  (Fapemig) vai inaugurar seu prédio no primeiro semestre de 2014.
Futuramente, a região irá abrigar a nova sede da Universidade do Estado de Minas Gerais. Ficarão instaladas no espaço a Escola de Música; a Faculdade de Educação, a Escola Guignard, Faculdade de Políticas Públicas, além de instituições e atividades de ensino a distância.
Fonte: SECTES-MG

Próximos Eventos