+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Inovação nas empresas do Amazonas é tema do Boletim de Indicadores de CT&I

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação do Amazonas (SECTI-AM) divulga a primeira edição de 2014 doBoletim de Indicadores de CT&I, que tem como objetivo apresentar os resultados dos investimentos e ações efetuadas na área, além de indicadores relacionados ao Estado que possam auxiliar na melhoria das políticas públicas a partir da análise de cenários em temas específicos referentes à CT&I.

Elaborado pelo Departamento de Relações Interinstitucionais e Indicadores de CT&I (DIN), em sua 8ª edição, o Boletim utiliza os dados da Pesquisa de Inovação Tecnológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Pintec/IBGE), focando nos resultados do Amazonas, considerando a taxa de inovação e os gastos em atividades inovadoras realizadas pelas empresas locais.

Segundo o levantamento, em 2011 a taxa de inovação das empresas no Estado foi de 40%, ou seja, das 1.129 empresas que participaram da Pintec 2011, 457 implementaram algum tipo de inovação. Em relação às edições anteriores, observa-se uma redução no total de empresas inovadoras no Estado, porém revela um dado positivo: as empresas amazonensesinvestiram mais em atividades de inovação, principalmente na aquisição de máquinas e equipamentos. O estudo identificou ainda, um crescimento nas atividades de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), e no número total de empresas que inovaram no Estado.

De acordo com o chefe do DIN, Moisés Coelho, os dados do Boletim são fundamentais para que empresas, universidades e até a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) tenham conhecimento do que vem sendo feito no Amazonas em termos de inovação tecnológica. Coelho destacou que ainda são poucas as análises existentes no Brasil referentes à Pintec e que a maioria desses estudos concentra-se nas regiões Sul e Sudeste do País.

“Identificar o que vem sendo feito no Estado em termos de inovação, se há predominância de investimentos das empresas em produtos ou em processo, são informações úteis e que podem ser utilizadas para fomentar discussões e aprimorar as políticas públicas de incentivo a pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) no Amazonas”, enfatizou Moisés.

SOBRE A PINTEC

A pesquisa sobre inovação tecnológica tem se tornado um instrumento de suma relevância para orientar os investimentos na área CT&I.

O principal objetivo da Pintec é conhecer e mensurar o processo inovativo realizado pelas empresas brasileiras e, assim compreender melhor o crescimento econômico do Brasil. Participam da pesquisa, empresas industriais, de telecomunicações, informática e instituições de pesquisa e desenvolvimento, com registro no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), e com 10 ou mais pessoas ocupadas.

BOLETINS E CADERNOS DE CT&I

A cada trimestre, a SECTI-AM lança um novo Boletim de Indicadores de CT&I. O conteúdo de cada periódico, além de estar disponível no PortalCiênciaemPauta, tem sido tema dos Cadernos de CT&I Amazonas.

Já em sua terceira edição, os Cadernos de CT&I Amazonas foram lançados em 2013  e o acesso em formato eletrônico também está disponível no link.

Esses dois instrumentos de informação possibilitam a identificação de dados capazes de auxiliar na análise dos cenários ou de temas específicos concernentes à Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação.

O conteúdo é disponibilizado em material acessível, com linguagem simples, e que pode ser referência para projetos, programas, pesquisas e outros interesses.

Fonte: SECTI-AM

Próximos Eventos