+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Governo inaugura o Polo Agroalimentar de Arapiraca (AL)

O Governo de Alagoas, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), inaugurou na última sexta-feira, 12 de setembro, às 10 horas, o Polo Agroalimentar de Arapiraca. A obra, que pertence ao Parque Tecnológico de Alagoas, é um projeto estratégico que está no Programa Alagoas Tem Pressa. E contempla as definições do Plano Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I), que acaba de ser instituído no Estado, apontando diretrizes para os próximos 10 anos na área de CT&I.

O Polo Agroalimentar de Arapiraca vai prestar serviços de tecnologia voltados para o segmento de mandiocultura e hortifruticultura, contribuindo para o fortalecimento dos APLs – Arranjos Produtivos Locais, os quais receberão apoio tecnológico e incentivo para a cultura da inovação, tornando-os ainda mais competitivos. Localizado no Sítio Piauí, Povoado Bananeira, próximo a AL 102, em Arapiraca, o Polo terá uma mini-usina de beneficiamento de mandioca para a produção de álcool, além de biblioteca, sala de informática, auditório, salas de aula e alojamento para abrigar pesquisadores e estudantes.

Os APLs da mandioca envolvem 14 municípios do agreste alagoano, com cerca de 600 casas de farinha processando a produção de mais de 27 mil produtores rurais. A região também é potencial produtora de frutas e hortaliças. Todos esses segmentos econômicos poderão se beneficiar com os serviços e parcerias do Polo Agroalimentar de Arapiraca.

Contrapartida da Fapeal

O Parque Tecnológico e seus polos é um projeto do Governo de Alagoas, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), com o apoio da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) e Universidade Federal de Alagoas (Ufal), além dos municípios nos quais estão inseridos. O investimento nos polos agroalimentares de Batalha e Arapiraca foi de R$ 12 milhões financiados pela Financiadora de Estudos e Projetos do Governo Federal (Finep/MCTI), com a contrapartida do Governo do Estado, incluindo os equipamentos.

Para o secretário da Ciência, Tecnologia e Inovação, Eduardo Setton, a inauguração do Polo de Arapiraca é um momento histórico para Alagoas, pois mostra a preocupação do Governo de Alagoas em interiorizar a inovação tecnológica como forma de desenvolvimento para as produções regionais. “O Polo vem consolidar um movimento que está em pleno crescimento no Estado nos últimos anos, o qual inclui a integração entre os setores produtivos, academia, iniciativa privada com o Governo, e a valorização da CT&I como política de estado e área estratégica para o desenvolvimento social e econômico. É um exemplo do que a inovação tecnológica pode fazer para melhorar os setores produtivos do Estado”, conclui o secretário.

Fonte: Secti-AL

Próximos Eventos