+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Governo do Pará investe R$ 3 milhões em redes de pesquisa sustentável

Arte Redes de PesquisaO governo do Estado vai investir cerca de R$ 3 milhões para o desenvolvimento de ciência, tecnologia e inovação, com foco na sustentabilidade. O recurso está previsto em quatro editais de redes de pesquisa, destinados às demandas e soluções dos entraves das cadeias produtivas do açaí, cacau, software e fitoterápicos, lançados nesta terça-feira (2) pela Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa e pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

O lançamento dos editais faz parte das ações previstas no Programa Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Sustentável e que integram o Plano Plurianual 2012/ 2015 do governo do Estado. A parceria entre Fapespa e Secti atua diretamente no programa, com o estabelecimento de redes de pesquisas cooperativas, inter e intrainstitucionais, que vão proporcionar o desenvolvimento de meios propícios à consolidação dessas cadeias produtivas, definidas como estratégicas.
O incentivo do Governo do Pará à formação e operação de redes deve-se a duas características marcantes: a otimização de recursos e a rapidez na criação e disseminação do conhecimento, por meio da união e coparticipação de competências e responsabilidades, fundamental para o desenvolvimento científico e tecnológico de áreas estratégicas do conhecimento, especialmente aquelas prioritárias para setores porvindouros.
Cada rede, além da consolidação das cadeias produtivas, dará ganhos específicos às áreas. As Redes de Pesquisa em Plantas Medicinais e Fitoterápicos e Pesquisa de Software proporcionarão a criação de polos específicos aos campos. Já as Redes em Fruticultura tropical do Açaí e do Cacau contribuirão na criação do Programa de Fruticultura Tropical, elevando o padrão da produção e da segurança sanitária para o consumo, promovendo melhor competitividade de mercado.
Fonte: SECTI-PA

Próximos Eventos