Giro nos Estados

Governo de Minas oferece preparação gratuita para alunos que disputam o Enem

Os estudantes do ensino médio que sonham em ingressar em uma universidade por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), podem se preparar com aulas gratuitas e telepresenciais nos Centros Vocacionais Tecnológicos (CVTs), do governo de Minas, instalados em todas as regiões do estado. A iniciativa tem a chancela da Secretaria de Estado Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que firmou parceria com a ONG Instituto Henfil, responsável pelo projeto “Enem na sua comunidade”.

“A ideia central é proporcionar à parcela da população que não tem condições financeiras de custear um cursinho particular, a oportunidade de se preparar para a prova do ENEM concorrendo de forma justa”, observa o secretário Narcio Rodrigues. O curso gratuito será oferecido no período de 6 de agosto a 31 de outubro. As aulas serão transmitidas ao vivo, nas salas de videoconferência dos Centros Vocacionais Tecnológicos (CVTs) sempre de manhã (8h às 11h30); à tarde (14 h às 17h30) e à noite (18h30 às 22 h) nas segundas, quarta e sextas-feiras. Este é o segundo ano que o governo mineiro repete a iniciativa.

Professores preparados para as áreas de atuação abordarão temas que constam no currículo proposto pelo Ministério da Educação (MEC) para o ENEM. O material didático será distribuído gratuitamente para os alunos via e-mail.

Centro Vocacional Tecnológico


Os CVTs pertencem à Rede Mineira de CVTs, projeto do Governo de Minas, coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes – MG), com apoio das prefeituras municipais. O objetivo é ampliar a capacitação local e regional; combater a exclusão digital e social; gerar emprego e renda; e contribuir para a melhoria de vida da população a partir da capacitação profissional. Para isso, três frentes de trabalho estão em atuação: alfabetização digital, inovação e formação e aperfeiçoamento profissional.

A rede conta com 571 unidades interligadas em banda larga, representadas por 84 CVTs e 487 Telecentros, e 4,5 mil microcomputadores conectados, colocando Minas Gerais como um dos estados a possuir um dos maiores programas de inclusão digital e social do País. O projeto alcança mais de 360 municípios e soma mais de 700 mil cidadãos certificados em cursos presenciais e a distância, além de 1 milhão de pessoas beneficiadas com o acesso à internet. Já foram investidos em sua estrutura mais de R$ 130 milhões, recursos provenientes do Governo de Minas e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI, por meio de emendas parlamentares.

A ONG Instituto Henfil


O Instituto Henfil atua na grande São Paulo e, desde 2001, promove um trabalho comunitário destinado a possibilitar a pessoas sem condições de arcar com os custos de uma escola particular, a chance de cursar uma universidade pública. Neste ano, a ONG está desenvolvendo o curso Tele-Presencial ENEM, para que as prefeituras possam ajudar as pessoas a entender o exame e obter nota suficiente para aprovação, e assim conseguir uma vaga no SISU (Programa de Seleção para Universidades Federais) ou no ProUni (Programa que oferece bolsas de 100 ou 50% em universidades particulares).

Para conhecer melhor o curso oferecido pela ONG, acesse o link que contém perguntas e respostas básicas e o termo de adesão. Mais informações sobre o trabalho desenvolvido pelo Instituto estão disponíveis no site www.cursinhohenfil.org.br/index.asp

Fonte: Ascom  – Sectes – MG

Próximos Eventos