Giro nos Estados

Gestores da UFRJ, Inmetro, UEA, e SECTI-AM discutem parcerias para novas ações em CT&I no Amazonas

Novas parcerias começam a ser compostas para incentivar ações e programas de formação de mestres e doutores, de estruturação de laboratórios de biomedicina, e de criação de polos de ciência, tecnologia e inovação (CT&I) em municípios do Amazonas.

As propostas foram levantadas em reunião ocorrida na quarta-feira (19), na Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI-AM), da qual participaram o diretor do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Carlos Augusto de Azevedo, o professor Wanderley de Souza, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o reitor da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Cleinaldo Costa, e o secretário de CT&I do Amazonas, Odenildo Sena.

No encontro, os representantes das instituições do Rio de Janeiro tomaram conhecimento dos investimentos em CT&I já realizados pelo Governo do Amazonas nos últimos 10 anos, desde 2003, ano em que foi criado o Sistema Público Estadual.

Os investimentos de mais de R$ 769, 4 milhões (2003-2012) do Governo do Estado em CT&I, na capacitação de recursos humanos, na promoção de pesquisas, em inovação, na difusão e popularização do conhecimento científico, animaram o grupo visitante que vislumbra a formação de parcerias para a realizar inúmeras outras ações de aumento de qualidade e da produção do desenvolvimento científico no Estado.

ENCAMINHAMENTOS

A partir deste encontro alguns encaminhamentos começam a ser estabelecidos para planejar as novas ações, e definir estratégias a serem empreendidas para  o desenvolvimento dos novos projetos.

Um dos pontos já em concordância entre os participantes da reunião é de que as ações devam ser trabalhadas em rede composta pelos parceiros.

Outros momentos para discutir encaminhamentos e propostas estão previstos para acontecer entre os meses de março e abril.

Fonte: SECTI-AM

Próximos Eventos