Giro nos Estados

Fapes apoia projeto que visa o desenvolvimento socioeconômico das comunidades pesqueiras

Com o objetivo de fixar e atrair doutores para o Espírito Santo, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação apoia, por meio do Edital Fapes/CNPq – Programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional- DCR, o projeto de Inovação Social “Sistema de Informações Geográficas como ferramenta de avaliação das estruturas de desembarque de pescado e das comunidades de pescadores tradicionais do Norte do Espírito Santo: desenvolvimento socioeconômico municipal”.

Inovação Social 

O projeto tem como objetivo mapear o cenário da atividade pesqueira local, no município de São Mateus, esperando, assim, desenvolver atividades econômicas instaladas, qualificar os atores envolvidos e conhecer a própria realidade local. O pesquisador e também Doutor em Aquacultura (FURG), Rodrigo Randow de Freitas, comenta sobre os benefícios do projeto. “O projeto contribuirá para uma definição de áreas estratégicas ao desenvolvimento econômico sustentável local, subsidiando a formulação de políticas de ordenação do território e orientando os diversos níveis decisórios para a adoção de políticas convergentes com as diretrizes de planejamento estratégico”.

A pesquisa visa proporcionar uma melhor compreensão das formas de uso e apropriação dos recursos naturais pelas populações de pescadores da região do Norte do Estado, propondo diretrizes de atuação e propostas de projetos que poderão ser desenvolvidas nessa região com a comunidade pesqueira.

Outro objetivo é construir um banco de dados com resultados sintetizados, mapeando a cadeia produtiva necessária para o desenvolvimento sustentável da atividade e os futuros impactos socioeconômicos e ambientais advindos de sua possível expansão. O pesquisador Rodrigo espera alcançar, ao longo da realização desse projeto, a melhoria das condições de vida da população e a redução das perdas do patrimônio natural e cultural do local.

O doutor relata também a gratidão que tem pela Fapes. “Com a aprovação do projeto e a possibilidade do uso do recurso disponível, foi possível me estabelecer no Centro Universitário, onde estou atualmente, de forma efetiva e serviu como “ponta pé” inicial na minha carreira profissional. Isso logo após o término do doutorado. Oportunidade maravilhosa e que abriu portas. Obrigado Fapes”.

Para o Diretor Presidente da FAPES Prof. Dr. Anilton Salles Garcia, “os projetos de Inovação Social estão recebendo muito apoio da FAPES pois acreditamos fortemente que através desse tipo de ação será possível efetivamente gerar uma transformação social positiva nos diversos setores da sociedade.” Ainda segundo Anilton, o grande desafio será associar os processos de Inovação Tecnológica com Inovação Social e promover a efetiva integração entre pesquisadores e a sociedade civil. Nossa expectativa é que desses processos sejam gerados novos empreendimentos, incluindo-se os empreendedores individuais e o empreendedorismo social, e, a partir dos mesmos, gerar grandes transformações nos segmentos sociais envolvidos nos projetos de inovação.

Programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional – DCR 

O Edital Fapes – Programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional – DCR com parceira do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) tem como finalidade conceder bolsas de pesquisa e apoio financeiro a projeto de pesquisa e desenvolvimento tecnológico, buscando o fortalecimento dos grupos de pesquisa existentes e a criação de novas linhas de pesquisa de interesse regional. O público alvo para esse edital são doutores desvinculados do mercado de trabalho e a bolsa tem duração de 48 meses.

Fonte: Fapes

Próximos Eventos