Giro nos Estados

Faperj realiza cerimônia para entregar 294 outorgas a pesquisadores

A Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) realizou, nesta terça-feira ( 25/06), no auditório da Academia Brasileira de Ciências (ABC), cerimônia para entrega de outorgas a pesquisadores. Foram contemplados 294 projetos em 12 programas de fomento em diversas modalidades. No total, estão sendo investidos R$ 50 milhões em pesquisa científica fluminense.

Na ocasião, aconteceu também o lançamento do livro de memórias da Faperj, em comemoração aos 33 anos da Fundação. O livro conta a história da instituição, por meio de documentos antigos, e depoimentos de funcionários. O secretário de Ciência e Tecnologia, Gustavo Tutuca, participou da solenidade, representando o governador Sérgio Cabral:

– No momento existe uma atração de grandes investimentos na área de infraestrutura e desenvolvimento econômico, com a chegada de eventos internacionais. A ciência e a tecnologia têm um papel fundamental, que é dar suporte a tudo isso, e o papel da Faperj é trazer tecnologia para o Estado, lembrando que o Estado vem cumprindo a Constituição, destinando 2% do orçamento para investimentos em pesquisas e inovação. A Faperj tem contribuído com muita competência, investindo em tecnologia e pesquisa junto às universidades, e também trabalhando com as empresas – disse o secretário.

O presidente da Faperj, Ruy Garcia Marques, disse que solenidades como estas são importantes para mostrar como a Fundação vem aplicando os recursos financeiros de que dispõe.

– Nosso objetivo é fomentar o incentivo à pesquisa nas instituições científicas, com um olhar diferenciado para as universidades estaduais. Por isso, entre os editais lançados, há um programa específico para a Uerj, Uenf e Uezo, de R$ 2,5 milhões, que já está em sua terceira edição – disse.

Ruy aproveitou para anunciar um aumento de 10% nas bolsas pagas ao programa de doutorado-sanduiche, também contemplado nesta leva, e divulgar a inclusão de um programa de doutorado reverso, que trará pesquisadores do exterior para as instituições brasileiras.

– A Faperj, que completou 33 anos, apresentou o maior crescimento de sua história nos seis últimos anos. Por isso, lançamos este livro de Memórias da Faperj – completou.

Também participaram do evento os subsecretários de Ciência e Tecnologia Alexandre Vieira e Augusto Raupp, o presidente da Faperj, Ruy Garcia Marques, o presidente da Faetec, Celso Pansera, o presidente do Cecierj, Carlos Bielschowsky, o reitor da UFF, Roberto Salles, e os pesquisadores contemplados nos seguintes programas:

• Programa Apoio a Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Universidades Estaduais– 2013;
• Programa Apoio à Pesquisa em Transplante de Órgãos e Tecidos no Estado do Rio de Janeiro;
• Programa Apoio à Atualização de Acervos Bibliográficos nas Instituições de Ensino Superior e Pesquisa;
• Apoio à Inovação Tecnológica;
• Programa Apoio a Projetos de Pesquisa na Área de Humanidades;
• Programa Apoio à Produção e Divulgação das Artes no Estado do Rio de Janeiro;
• Programa Apoio à Implantação, Recuperação e Modernização da Infraestrutura para Pesquisa nas Universidades Estaduais do Rio de Janeiro;
• Apoio à Pesquisa Agropecuária no Estado do Rio de Janeiro;
• Apoio a Instituição Estadual de Educação Superior a Distância e Divulgação Científica – Cecierj/Cederj;
• Apoio a Instituição Estadual de C&T – FAETEC ;
• Programa de Apoio às Engenharias;
• Estágio de Doutorando no exterior (Doutorado sanduíche);

Fonte: SECT-RJ

Próximos Eventos