+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Fapeam analisa recursos de empresas não enquadradas na 1ª etapa do Pappe Integração

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas junto com um comitê, formado por cinco representantes de instituições importantes do Amazonas e do país, avaliaram os recursos das empresas que não foram enquadradas na primeira etapa do processo de seleção pública, referente ao edital Nº 007/2017, do Programa de Apoio à Pesquisa e Desenvolvimento e Inovação em Microempresas e Empresas de Pequeno Porte na Modalidade Subvenção Econômica (Pappe  Integração).

O processo de enquadramento consiste na análise do cumprimento dos requisitos e apresentação dos documentos solicitados para a concorrência ao edital do programa. As propostas submetidas foram apresentadas por microempresas e empresas de pequeno porte amazonenses interessadas em desenvolver projetos de inovação tecnológica.

No total, nove empresas foram  habilitadas no cumprimento dos requisitos e documentos solicitados pelo o edital do Pappe Integração. Três foram consideradas inabilitadas por não atenderem requisitos importantes descritos no edital. Desse número, apenas duas entraram com recurso solicitando uma nova análise das propostas.

Segundo o diretor técnico-científico da Fapeam, Dércio Reis, após a avaliação dos recursos interpostos nenhuma das empresas foi enquadradas no edital. “Nenhuma teve aprovação por não atender itens e cláusulas específicas do edital. Por exemplo, a documentação incompleta”, disse.

Avaliação

Os recursos das duas empresas inabilitadas foram avaliados, novamente, pela Fapeam junto com representantes da Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti), Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS) e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Reis destacou ainda que o comitê multidisciplinar, formado por representantes de diversas áreas, é para que a instituição selecione as propostas que atendam os interesses do mercado com a perspectiva de crescimento e expansão da empresa contemplada, a partir do apoio do Governo do Amazonas por meio da subvenção econômica.

A partir de agora não cabe mais recurso para as empresas não enquadradas no edital do Pappe Integração. Já as empresas aprovadas na etapa de enquadramento passarão pela análise dos consultores Ad Hoc, comitê técnico e comitê gestor do programa no mês de abril. Após essas fases a classificação das propostas será encaminhada ao Conselho Diretor da Fapeam para homologação do resultado final que deverá ser divulgado até o mês de junho deste ano.

“As propostas que foram enquadradas passarão para a próxima etapa que é a análise técnica e econômico-financeira, após isso retornarão para este comitê com objetivo de saber se os membros concordam ou discordam com as avaliações técnicas feitas”, finalizou.

Fonte: FAPEAM-AM

Próximos Eventos